Osasco tem 4 casos “potencialmente confirmados” do novo coronavírus, diz Rogério Lins | Vídeo

2
coronavírus osasco
Fotos: reprodução

O prefeito de Osasco, Rogério Lins, informou, na noite desta quarta-feira (18), que Osasco tem hoje quatro casos “potencialmente confirmados” do novo coronavírus (covid-19).

“No dia de hoje tivemos a confirmação de quatro casos potenciais de contágio pelo coronavírus”, declarou, em transmissão ao vivo no Facebook. Sobre a definição de “potencialmente confirmados”, o prefeito explicou: “Já deu positivo em exames particulares e aguardam contraprova, que oficializa a confirmação”.

De acordo com ele, os quatro pacientes são de bairros diferentes e não contraíram a doença no município. “Não tiveram contágio em Osasco, trabalham em agências de publicidade, no setor de jornalismo e em atividades comerciais fora da cidade”, afirmou o prefeito.

Publicidade

Lins ressaltou que os casos “pré-confirmados” estão sendo monitorados pela Secretaria de Saúde da cidade e em isolamento domiciliar.

Ele declarou ainda que são “pessoas que não fazem parte do grupo de risco”. “[São] saudáveis, abaixo dos 60 anos e não têm doenças crônicas”.

Locais de atendimento

O prefeito declarou ainda que nos próximos dias Osasco terá pontos emergenciais para atender possíveis pessoas infectadas pelo coronavírus, um na zona Sul, no Pronto Socorro do Santo Antonio, e outro na zona Norte, no Pronto Socorro do Helena Maria. “Vamos dispensar todo um aparato… respiradores, leitos, profissionais para atender pessoas com suspeita de coronavírus”.

Rogério Lins ainda reforçou a importância da prevenção e pediu que as pessoas evitem frequentar locais com possível aglomeração. “Hoje tinham centenas de pessoas fazendo compras no calçadão… Num momento de alerta, de preocupação, onde a gente pede que as pessoas evitem aglomerações”.

O prefeito voltou a convocar orações pela cidade e pediu que os consumidores prestigiem os pequenos comerciantes, os mais afetados pela crise econômica gerada pela pandemia.

Reforço de 500 profissionais na Saúde

Na noite de segunda-feira (16), o prefeito de Osasco, Rogério Lins, anunciou que a administração municipal vai contratar emergencialmente 47 novas equipes de saúde, totalizando quase 500 profissionais, para atuar no combate ao novo coronavírus (covid-19) na cidade.

“Vamos dar início à contratação emergencial de 47 novas equipes de saúde em nossa cidade. Isso compreende quase 500 novos profissionais que vão nos ajudar a combater esse malefício, e a trabalhar na prevenção”, declarou o prefeito.

“São os mais diversos profissionais. Da área técnica, da enfermagem, da medicina de modo geral, para que a gente possa dar um atendimento mais amplo e mais completo à nossa população em todos os sentidos, mas principalmente na área preventiva”, explicou.

Além disso, o município está reforçando a compra de suprimentos, como álcool gel e máscaras, afirmou. “Hoje nossos pronto socorros estão totalmente abastecidos com álcool em gel”.

Comentários

2 COMENTÁRIOS

  1. isso não condiz,estive numa unidade de posto de saude para adquirir uma mascara para um idoso,a resposta foi não tem nem para eles,um absurdo

  2. SENHOR PREFEITO GOSTARIA DE SABER A VERDADEPOS O SENHOR FALOU QUE OS OS PS ESTAO ESTAO ABASTECIDO DE MASCARA E ALCOOL GEL OK POREM A MATERNIDADE AMADOR AGUIAR NAO TEM MASCAR N95 NAO TEM ALCOOL GEL QUANDO NOS SOLICITAMOS MASCARA EA DIRETORA FALOU QUE NAO TEM E OBRIGA OS FUNCIONARIOS TRABALHAR COM MASCARA QUE NAO PRETEGENEM GOTICULAS E NEM ROUPA ADQUADA TEM SE O FUNCIONARIO RECLAMAR ELES SAO PUNIDOS POR FAVOR GOSTARIA QUE ALGUEM DA VIGILANCIA SANITARIA FOSSE FAZER UMA VISTURIA POS NAO TEM SABONETE EOS SUPORTE DE POR ALCOOL ESTAO QUEBRADOS POR FAVOR OS FUNCIONARIS ESTAO A MERCER

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorCoronavírus: empresas poderão cortar jornadas e salários pela metade
Próximo artigoSessão da Tarde de hoje (19/03) exibe “Quarteto Fantástico” na Globo