Osasco sai na frente na luta contra o câncer

0

* Marcos Martins

publicidade

O número de pessoas com câncer deve crescer mais de 75% no mundo todo até 2030, aumento provocado principalmente pela adoção de estilos de vida considerados insalubres, segundo estudo divulgado em maio de 2012 pela Agência Internacional para a Pesquisa do Câncer (AIPC), ligada à Organização Mundial da Saúde (OMS).
São dados extremamente preocupantes, pois o câncer já é avaliado por seu caráter de doença epidêmica e tem se tornado bastante comum no mundo todo.

Por isso, foi com satisfação e alegria que recebi a notícia de que, possivelmente ainda este ano, conforme avanço das tratativas da Secretaria de Saúde do Estado, a cidade de Osasco e a região poderão contar com um Centro de Tratamento do Câncer com condições de oferecer aos pacientes consultas, exames diagnósticos e tratamento por quimioterapia e radioterapia.
A descentralização do Instituto do Câncer do Estado de São Paulo (Icesp) para outras localidades do estado é uma grande conquista na luta contra essa doença, já que possibilita ao paciente oncológico um tratamento mais próximo de casa, implicando diretamente no sucesso de sua recuperação.

publicidade

Ao lado de movimentos sociais, realizamos diversas intervenções junto às pastas da Saúde estadual e federal. Ajudei a colher, ao lado do grupo OncoVida e da Abrea (Associação Brasileira dos Expostos ao Amianto), mais de 50 mil assinaturas para um abaixo-assinado que foi entregue à Casa Civil do Estado de São Paulo, em 2010, pedindo um hospital especializado no tratamento do câncer para nossa região.
Saúde pública é um conceito amplo e estamos dispostos a encarar essa questão com olhar atento aos recentes estudos e pesquisas científicas que dão à sociedade o conhecimento necessário para construir um futuro melhor para todos.

*Marcos Martins (PT), deputado estadual, é presidente da Comissão de Saúde da Assembleia Legislativa de São Paulo

publicidade

Comentários

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorArtigo: Justiça e inclusão social
Próximo artigoFrases