Osasco terá mais 80 agentes de trânsito

5

Para secretário, novos fiscais vão ajudar a orientar e dar fluidez ao pesado trânsito da cidade / Foto: Eduardo Metroviche
Para secretário, novos fiscais vão ajudar a orientar e dar fluidez ao pesado trânsito da cidade / Foto: Eduardo Metroviche

publicidade

Fernando Augusto

Osasco deve triplicar, até o final do mês, o número de agentes de trânsito. A informação é do secretário de Transporte e Mobilidade Urbana, João Góis. Os novos funcionários estão em fase de contratação e treinamento.
“Hoje temos uma quantidade irrisória de 40 agentes. Estamos contratando mais 80 funcionários. O que falta muito hoje são orientadores para o trânsito da cidade”, diz o secretário.
A pasta comandada por Góis é uma das mais requisitadas da administração, devido à piora do trânsito na cidade. Entre as medidas a serem aplicadas a curto prazo, além da contratação de agentes, está a sinalização. “No máximo até o final de março vamos começar um processo de sinalização nova da cidade, com novas placas”, afirma.
O secretário também espera melhorar a programação dos semáforos e utilizar o monitoramento das ruas por câmeras, que já existe. “Com esse número maior de agentes, vamos detectar que determinado cruzamento está com problema e orientar nossos agentes”.

“Quantidade hoje é irrisória”, diz Góis

publicidade

A frota cadastrada em Osasco, hoje, gira em torno de 350 mil veículos, enquanto a frota flutuante, que circula na cidade, mas vem de outros municípios, é estimada em 200 mil.
Uma das promessas do prefeito Jorge Lapas (PT) é resolver a problemática entrada de Osasco pela rodovia Castello Branco. João Góis diz que “o município não tem dinheiro suficiente para fazer a obra”. A solução seria uma parceria com o governo do estado. “É uma das prioridades do Jorge [Lapas] fazer uma entrada nova para a cidade”, garante o secretário de Transporte.
Outra obra que, segundo Góis, vai sair do papel, é o terminal rodoferroviário do km 21, na divisa com Carapicuíba. A obra seria incluída no projeto do Corredor Oeste, que vem desde Jandira, e feita em parceria entre a Empresa Metropolitana de Transportes Urbanos (EMTU) e a Prefeitura.

Plano de mobilidade
Uma empresa está sendo contratada para fazer um plano de mobilidade urbana para Osasco. O objetivo do estudo seria entender melhor o trânsito e o transporte público, para definir ações. “Sem esse estudo, ficamos atirando para qualquer lado”, afirma o secretário.

publicidade

Inspeção veicular vai aguardar lei estadual

O prefeito de Osasco, Jorge Lapas (PT), falou na semana passada sobre a implantação da inspeção veicular ambiental, já aprovada na Câmara Municipal. De acordo com o chefe do Executivo, a cidade vai aguardar a aprovação de lei estadual sobre o tema.
“Ou faz todo mundo [a inspeção], ou não faz ninguém”, declarou. “Há um projeto de lei na Assembleia que vai regulamentar essa questão. Vamos aguardar a aprovação, que vai reger todos os municípios. Vamos seguir o que a lei estadual determinar”. Ele defendeu ainda a importância da inspeção veicular para o meio ambiente.

O prefeito de São Paulo, Fernando Haddad (PT) iniciou uma pressão ao governador Geraldo Alckmin (PSDB) por uma lei estadual sobre o tema.
O argumento é de que a cidade perde recursos com a transferência de placas de veículos para outros municípios para fugir da inspeção. Caso não seja criada uma lei estadual, a Capital pode obrigar veículos de outras cidades que trafegam por lá a passar por vistoria. Para Lapas, Haddad “está certo”.
O prefeito de Osasco afirmou ainda que a lei estadual ainda não foi votada “por falta de vontade política do governador”.
O secretário de Transporte e Mobilidade Urbana, João Góis, também cobra uma posição do governo do estado sobre o tema. “Estamos em compasso de espera. Acho que há um impasse muito grande em São Paulo em relação a isso”. (Com Jeferson Martinho)

Comentários

5 COMENTÁRIOS

  1. Qual o telefone para solicitar fiscalização em rua pertencente a Osasco, quando há estacionamento irregular na sua Guia rebaixada? Obrigada

  2. Não pode fazer obras porque não tem dinheiro, mas não justifica piorar o transito colocando cones e deixando somente 2 faixas para quem entra em Osasco pela Castelo Branco. Quem foi o “GÊNIO” que teve essa ideia????
    É uma falta de respeito com quem paga seus impostos pra todos os dias passar por esse estressante e caótico transito!!!!!!!!

  3. eu trabalhei em Osasco como agente de transito por 04 anos e a te levei porrada na cara e a te hoje não deu em nada se foce um agente estava preso, mais a policia não faz nada.

  4. Novos fiscais vão ajudar a orientar e dar fluidez ao pesado trânsito da cidade de Osasco. Acorda S?CR?TR?? é só mais uma boquinha, pois não vejo nada de obras na cidade, principalmente para quem mora na zona norte de Osasco. OPS. ” A obra do centro não conta porque é para copa do mundo (;]”. Quer gerar emprego, coloca os 80 fiscais de trânsito para trabalha na construção civil melhorando as vias de acesso, OPS. “Vias de acesso na zona norte não tem (;]”. Ai sim que é serviço digno e se possível concursado para o aquário não virar piscina.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorOsasco terá Hospital do Câncer
Próximo artigoO que o Dia da Mulher representa para você?