Artigo – Osasco, uma cidade que pulsa

0
Mônica Veloso é secretária de Desenvolvimento, Trabalho e Inclusão de Osasco

Mônica Veloso – Mercado e trabalho

publicidade
Nova colunista do Visão, Mônica Veloso é secretária de Desenvolvimento, Trabalho e Inclusão de Osasco
Nova colunista do Visão, Mônica Veloso é secretária de Desenvolvimento, Trabalho e Inclusão de Osasco

Conhecida como “Cidade-trabalho”, Osasco é destaque pelo empreendedorismo e pela força de vontade de seus moradores.Com uma área territorial de 65 km² e 718.646 habitantes, possui a quinta maior população de seu Estado. Parte integrante da Região Metropolitana de São Paulo, a cidade tem o 11º maior índice de Produto Interno Bruto (PIB) do país e o maior índice de desenvolvimento do Estado de São Paulo.

Hoje, a rede ferroviária da cidade possui cinco estações e duas linhas de trem, transportando cerca de 15 milhões de pessoas ao ano e oferecendo diversas possibilidades de logística e escoamento de cargas.

publicidade

Existem ainda ramais hidroviários, rodovias e grandes avenidas que facilitam muito a locomoção interna e o acesso direto a São Paulo. Com o Rodoanel, a localização torna-se ainda mais privilegiada, ligando a cidade também ao Porto de Santos, ao ABC Paulista e à zona Leste da capital. Osasco tem uma localização privilegiada que atrai ainda mais empresas e empregos para seu território.

Berço de lutas importantes de emancipação e pela democracia na década de 60 e 70, como registra a história do país e da cidade, trouxeram transformações politicas, sociais e culturais que marcam e identificam um povo trabalhador e participativo e uma Osasco como cidade pulsante atrativa para o desenvolvimento, componente importante na estratégia que se consolida constantemente pelas oportunidades construídas também por politicas públicas planejadas e bem estruturadas.

publicidade

Atualmente, Osasco alcançou um progresso social e uma economia dinâmica e sustentável. A cidade tornou-se polo comercial, sendo o município da grande São Paulo que mais atrai investidores. Sua atividade industrial tem muito a ver com essas conquistas, bem como suas empresas de comércio e prestadoras de serviço.

Com a chegada e instalação delas, vieram também federações, associações e uma grande diversidade de órgãos de apoio e representação para o município. Matrizes de empresas importantes, que movimentam a economia do país inteiro, escolheram Osasco como sede e centro de distribuição.

Nem por isso as micro e pequenas empresas foram deixadas de lado, muito pelo contrário, são elas que mais geram empregos formais para a população. Segundo dados da Prefeitura, são abertos cerca de 250 novos empreendimentos por mês na cidade.

 

Comentários