Início Destaque Osasco vai ganhar um parque na região central

Osasco vai ganhar um parque na região central

3
Projeto do futuro parque, que ficará onde hoje é o Paço Municipal

A Prefeitura de Osasco apresenta, na quarta-feira, 29, às 17h, o projeto Parque Central, a ser construído no terreno do atual Paço Municipal, próximo ao Viaduto Metálico, na esquina das Avenidas Bussocaba com Autonomistas e Rua Narciso Sturlini.

publicidade
Projeto do futuro parque, que ficará onde hoje é o Paço Municipal
Projeto do futuro parque, que ficará onde hoje é o Paço Municipal

O projeto urbanístico, arquitetônico e paisagístico, encomendado pela Secretaria de Habitação e Desenvolvimento Urbano, será apresentado pelos profissionais de destaque internacional e responsáveis pela elaboração da obra, o arquiteto Ruy Ohtake e o paisagista Marcelo Faisal.

O novo espaço, de 15 mil metros quadrados, ampliará as áreas verdes da cidade, além de se tornar um novo marco na paisagem e cotidiano da cidade, destaca a prefeitura.

publicidade

O parque abrigará uma concha acústica para espetáculos e apresentações, arena para eventos com público de até 3 mil pessoas, além de espaços para biblioteca, área de educação ambiental, jogos de mesa, estrutura para skate, lanchonete, áreas para grafite, pinturas, dança, pistas de caminhada, equipamentos de ginástica para todas as idades, playground e espaços de lazer para toda a população.

Entenda o processo
O novo parque faz parte do projeto “Operação Urbana Tietê II”, aprovado pela Lei Complementar 203/2010, que prevê a revitalização de toda a área central da cidade, no entorno da estação de trem, no Largo de Osasco, integrando de forma definitiva a área do bairro do Bonfim ao centro.

publicidade

Entre as transformações previstas, está em andamento a obra do novo Paço Municipal, na área que antes pertencia à empresa de cerâmicas Hervy. A nova sede agregará em um moderno conjunto a Prefeitura e a Câmara Municipal.

Esta obra é executada integralmente com recursos privados, ou seja, sem recursos do governo municipal. A parceria envolve a título de contrapartidas estabelecidas na Lei da Operação Urbana. De acordo com esta legislação, o empreendedor privado construirá o novo Paço Municipal e, ao término das obras, receberá do poder público a metade do terreno da Avenida Bussocaba, onde atualmente encontra-se a sede da Prefeitura, e será possível edificar novas torres comerciais.

Comentários

3 COMENTÁRIOS

  1. Se for mesmo no local da perspectiva, salvo melhor juizo, poderia passar por uma pequena revisao, tentando aproveitar o predio hoje usado pela secretaria de finanças – o projeto original e de um arquiteto – professor: chamado Celio Pimenta, reconhecido nacionalmente tambem como poeta concretista – alias o porque poderia ser o nome dele – ele foi professor na Fito – quando ainda era apenas ITO – foi professor no mackenzie – na UMC – em FAU-Santos e se nao me engano na FAU Usp – fui aluno dele…..- abração – fica a sugestao….

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorCurso de Cultivo de Orquídeas está com inscrições abertas
Próximo artigoONG busca talentos da rede pública para bolsas de estudo em Cotia