Partido acusa vereadores de Osasco de “politicagem a favor de João Doria”

0

O PSOL de Osasco divulgou, na tarde desta segunda-feira, 9, uma nota contra a entrega de título de Cidadão Osasquense ao prefeito de São Paulo, João Doria (PSDB), em solenidade que deve ocorrer esta noite.

publicidade

“A Câmara de Osasco gasta dinheiro público para fazer politicagem a favor de João Doria”, acusa o partido. “O que fez por Osasco o cidadão João Doria?”, questiona o PSOL.

Ainda de acordo com a legenda: “João Doria, como todos sabem, está em plena campanha para a presidência da República em 2018, como parte de sua campanha eleitoral, aliados do tucano em vários municípios pelo país afora têm apresentado nas Câmaras Municipais a homenagem de título de cidadão ao prefeito. Essas homenagens, nada mais são, do que pretexto para as viagens do prefeito. Ou seja, homenagens que custam caro aos cofres municipais, dinheiro público que está sendo usado para campanha eleitoral antecipada do prefeito tucano”.

publicidade

“A velha política continua achando que o povo não percebe as manobras e maracutaias feitas nos bastidores, mas cada vez mais a população está atenta e repudia práticas como esse título arranjado como pretexto para campanha eleitoral antecipada”, afirma o texto.
 

Leia a íntegra da nota do PSOL de Osasco contra o título de Cidadão Osasquense a João Doria:

publicidade

“Câmara de Osasco gasta dinheiro público para fazer politicagem a favor de João Doria

O título de cidadão foi aprovado pela Câmara Municipal no dia 18 de setembro, o autor do projeto é o vereador Lindoso. A entrega do título será nesta segunda-feira, dia 9 de outubro, às 19 horas na Câmara Municipal.

O título de cidadão é em geral destinado às pessoas que prestaram relevante serviço à comunidade do município. A pergunta que fica é: o que fez por Osasco o cidadão João Doria?

Para o autor da proposta, o fato de ser prefeito de São Paulo por si só já seria algo positivo para o cidadão osasquense, difícil encontrar alguma lógica nisso ao se tratar de um prefeito cada vez mais rejeitado pela população paulistana, que tem se notabilizado por ações truculentas, antipopulares e elitistas, como a sua política de privatização do patrimônio público na Capital Paulista.

A Câmara Municipal de Osasco ao conceder esse título sem nenhum debate ou consulta à população mostra mais uma vez como está distante dos verdadeiros anseios dos nossos municípes. Ao invés de gastar dinheiro público com policagem eleitoral, deveria se preocupar com a grave situação que vive o nosso município com serviços públicos de saúde, educação, segurança e transporte cada vez mais sucateados. Aliás, nisso Osasco vai pelo mesmo caminho de São Paulo, com o prefeito Rogério Lins com sua gestão cada vez mais rejeitada pela população.

Todos aqueles que são contra o retrocesso, contra a política antipovo e de retiradas de direitos representada por João Doria precisam registrar o seu repúdio a esse título de cidadão concedido sem a devida consulta popular. A velha política continua achando que o povo não percebe as manobras e maracutaias feitas nos bastidores, mas cada vez mais a população está atenta e repudia práticas como esse título arranjado como pretexto para campanha eleitoral antecipada. Quem ataca os direitos do povo não merece nenhuma homenagem”.

Comentários