Passe livre para estudantes pode ser ampliado na região

2

Reunião de prefeitos em Barueri discutiu a regulamentação do passe livre para estudantes nos municípios do Cioeste / Foto: Divulgação
Reunião de prefeitos em Barueri discutiu a regulamentação do passe livre para estudantes nos municípios do Cioeste / Foto: Divulgação

publicidade

Em reunião de prefeitos das cidades que fazem parte do Consórcio Intermunicipal da Região Oeste (Cioeste) nesta quinta-feira, 18, em Barueri, foi discutida a regulamentação do passe livre nos municípios, o que ampliaria o acesso ao benefício. Hoje, um dos poucos municípios que concedem passe livre é Osasco, a alunos de baixa renda.

Tema foi pauta de reunião de prefeitos nesta quinta, 18

Presidente do Cioeste, o prefeito de Carapicuíba, Sérgio Ribeiro (PT), destacou que a gratuidade na passagem de ônibus de estudantes atende a uma das reivindicações dos jovens participantes dos protestos de junho de 2013. “Antes mesmo de discutir eventuais reajustes [na tarifa de ônibus], foi definida a necessidade de criar ou incentivar uma gratuidade para os estudantes da região”.

publicidade

O secretário executivo do Cioeste, José Rodrigues de Oliveira, declarou que “a ideia é regulamentar a gratuidade no transporte para os estudantes, ampliar o conceito de passe livre para toda a região”.
Conforme antecipou o Visão Oeste na edição da semana passada, além da possível ampliação do passe livre, os prefeitos das cidades que fazem parte do consórcio intermunicipal discutem o aumento da tarifa de ônibus municipais, que deve ocorrer até janeiro, com valor ainda indefinido.
O Cioeste é composto pelos municípios de Osasco, Barueri, Carapicuíba, Cotia, Itapevi, Jandira, Pirapora do Bom Jesus e Santana de Parnaíba.

Casa Abrigo para mulheres vítimas de violência

publicidade

O Cioeste também discute a implantação de uma Casa Abrigo para mulheres vítimas de violência, que seria instalada provavelmente em Pirapora do Bom Jesus.
O consórcio estabeleceu a criação de um Grupo de Trabalhos (GT) destinado ao tema “gênero e diversidades”, constituindo assim novas ações voltadas às questões de interesse das mulheres.
“Estávamos sozinhas e agora os prefeitos somam suas vozes ao nosso trabalho. A Casa Abrigo será a primeira de muitas conquistas que teremos por meio deste exercício democrático praticado pelo Cioeste”, declarou Sônia Rainho, coordenadora do Fórum das Mulheres da Região.

Comentários

2 COMENTÁRIOS

  1. Osasco não concede passe livre para estudantes, eu já liguei várias vezes na central de atendimento do transporte aqui de Osasco, e eles sempre informam que o prefeito não aderiu, e que é necessário pagar a metade do valor ainda.
    Esta matéria está com informação incorreta.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorOs mais aguardados para 2015
Próximo artigoIPTU premiado em Cotia