Piso estadual deve ser de R$ 1.094

0
A Caixa recomenda que os trabalhadores tenham sempre em mãos o documento de identificação e a Carteira de Trabalho / Foto: Reprodução
A Caixa recomenda que os trabalhadores tenham sempre em mãos o documento de identificação e a Carteira de Trabalho / Foto: Reprodução

O governador Geraldo Alckmin enviou à Assembleia Legislativa de São Paulo (ALESP), o Projeto de Lei (PL) 880/2016 que propõe o reajuste de 7,62% no piso salarial dos trabalhadores do estado. Se aprovado, o piso poderá chegar a R$ 1.094,50, valor seria 24% superior ao atual salário mínimo nacional, de R$ 880.

publicidade

Comentários

publicidade