Início Cidades Barueri Polícia prende 4 por estelionato e lavagem de dinheiro em Barueri e...

Polícia prende 4 por estelionato e lavagem de dinheiro em Barueri e Santana de Parnaíba

0
parasita
Foto: Polícia Civil

Foi deflagrada na manhã desta quinta-feira (2) a segunda fase da Operação Parasita, que teve como objetivo combater um grupo especializado em crimes de estelionato e lavagem de dinheiro. As equipes conseguiram localizar e prender os quatro alvos em Barueri, Santana de Parnaíba e São Paulo.

publicidade

Os policiais civis da Divisão de Capturas, do Departamento de Operações Policiais Estratégicas (Dope) envolvidos na operação capturaram quatro pessoas que foram identificadas após o cruzamento de informações que demonstraram a movimentação de altos valores bancários em suas contas. Um dos alvos pretendia deixar o país.

A ação foi realizada em conjunto com o Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (GAECO) do Ministério Público do Estado de São Paulo (MPSP).

publicidade

Os detidos foram encaminhados à delegacia e poderão responder pelos crimes de estelionato, associação criminosa e lavagem de dinheiro.

Como funcionava a quadrilha

Segundo as investigações, a organização agia por meio de negociações nas quais adquiriam empresas de diversos ramos e em vários municípios.

publicidade

Os investigados se apresentavam como o “maior fundo distressed business do Brasil”, um grupo especializado na compra e recuperação de empresas em crise – “fundos abutres”, alegando possuir experiência no ramo de sociedades estressadas.

Após um contrato de responsabilidade firmado entre as partes, os supostos compradores passavam a adquirir bens e financiamentos em nome da empresa, praticando fraudes e crimes contra inúmeras vítimas. Ao ser acionado na Justiça, devido às irregularidades constatadas, o grupo mudava de local e abria outras empresas em nome de terceiros.

De posse das informações, as equipes da inteligência da Polícia Civil iniciaram a investigação, que resultou na Fase I da operação. Na primeira parte da ação, que ocorreu em maio, foram cumpridos oito mandados de busca e apreensão nas cidades de Guarulhos, São Paulo, Mauá, Barueri e Santana de Parnaíba.

Na ocasião, foram apreendidos veículos de luxo, relógios de alto valor e bolsas de marcas renomadas. Nesta quinta-feira, cerca de uma semana após a Fase I, os agentes deram início à segunda parte da operação, que visava ao cumprimento de quatro mandados de prisão.

Comentários