Prefeito veta e vereadores de Osasco voltam a discutir criação do Dia...

Prefeito veta e vereadores de Osasco voltam a discutir criação do Dia da Mãe Adotiva

31
Compartilhar

Na sessão desta terça-feira, 14, da Câmara Municipal de Osasco, os vereadores devem discutir se mantêm ou derrubam o veto do prefeito Rogério Lins ao projeto 206/2017, que Institui o dia da Mãe Adotiva no município.

Publicidade

O autor da proposta é o vereador Tinha Di Ferreira (PTB). Diferentemente do Dia das Mães (no segundo domingo de maio), a data seria celebrada no último domingo de maio.

“Pais e mães não são somente aqueles que biologicamente conceberam um filho, pois as verdadeiras paternidade e maternidade estão em proporcionar condições para que uma criança se torne, no futuro, um cidadão de bem. E a adoção é uma forma de mudar o destino de uma pessoa, transformar a realidade de uma criança”, diz o vereador na Justificativa da proposta.

De acordo com Tinha, a proposta está em sintonia com projeto de lei em tramitação no Senado, de autoria do então deputado federal Clodovil Hernandes, que morreu em 2009, aos 71 anos.

Compartilhar

Comentários