Início Cidades Presidente da Câmara de Osasco reforça apelo para combate à violência contra...

Presidente da Câmara de Osasco reforça apelo para combate à violência contra a mulher: “Denuncie!”

0
ribamar silva osasco violência contra a mulher
Reprodução/Redes Sociais

O presidente da Câmara Municipal de Osasco, o vereador Ribamar Silva (PSD), comentou a prisão de DJ Ivis, ocorrida nesta quarta-feira (14), por agredir a ex-mulher, Pamella Holanda.

publicidade

O político atribuiu a prisão do produtor musical, a quem chamou de “covarde”, ao grande apelo levantado pela mídia e redes sociais logo após a exposição do caso. “Infelizmente, nos deparamos todos os dias com notícias de casos de violência contra a mulher. Para quem não sabe, há anos o Brasil ocupa o ranking do 5º país que mais mata mulheres no mundo. Isso precisa mudar”, declarou.

Ribamar destacou algumas das iniciativas que a cidade de Osasco dispõe para ajudar no combate à violência contra a mulher e oferecer apoio às vítimas. “Temos a Ouvidoria da Mulher, um órgão da Câmara Municipal que fiz questão de reativar, como presidente do Legislativo. Além disso, temos também na cidade a viatura Guardiã Maria da Penha, que é composta por GCMs treinados e instruídos para um atendimento humanizado e acolhedor às mulheres”, explicou.

publicidade
ribamar silva
Vereador osasquense Ribamar Silva / Foto: Robson Cotait

Em Osasco, quem também usou as redes sociais para reforçar a importância do combate à violência contra a mulher foi o prefeito Rogério Lins (Podemos): “Violência não tem explicação! Não podemos nos calar diante de casos de violência contra a mulher. Situações como essas são inaceitáveis e devem ser repudiadas”, declarou.

Denuncie

As agressões cometidas por DJ Ivis contra a ex-mulher reascenderam a discussão sobre a violência contra mulheres em todo o país e reforçaram a importância de denunciar o agressor. As denúncias podem ser feitas por qualquer cidadão que presenciar algum caso ou pela vítima.

publicidade

As vítimas desse tipo de violência podem ligar para o 180, Central de Atendimento à Mulher, que funciona 24h. Em Osasco, as denúncias também podem ser feitas por meio dos telefones 156, 153 e (11) 3699-9154.

ribamar silva osasco violência contra a mulher (
Reprodução

“FIZ A ESCOLHA CERTA”// Zezé elogia Graciele e manda indireta para Zilu

Comentários