Psol de Carapicuíba pede cassação do mandatos de vereadores presos e investigados

Psol de Carapicuíba pede cassação do mandatos de vereadores presos e investigados

0
Compartilhar
Psol de Carapicuíba pede cassação do mandatos dos vereadores presos e investigados
Paulo Xavier, Jefferson Macedo (PSDB), Carlos Japonês, Elias Cassundé e Nenê Crepaldi (PPS)

Psol de Carapicuíba pede cassação do mandatos dos vereadores presos e investigados
À esquerda, Paulo Xavier, Jefferson Macedo (PSDB); à direita, Carlos Japonês, Elias Cassundé e Nenê Crepaldi (PPS)

No último dia 20, o Psol de Carapicuíba protocolou pedido de cassação na Câmara Municipal da cidade dos mandatos dos vereadores Carlos Japonês, Nenê Crepaldi, Elias Cassundé, os três do PPS, Paulo Xavier e Jefferson Macedo, ambos do PSDB.

Os cinco parlamentares são investigados na “Operação Pasta Vazia” do Ministério Público e da Polícia Civil, que apura  fraudes em processos seletivos para preencher cargos públicos com apadrinhados políticos.

Publicidade

“Vivemos hoje em Carapicuíba um momento de graves acusações contra vereadores, chegando a cinco presos e que ainda assim mantém seus cargos, salários e privilégios”, disse o secretário-geral do Psol Carapicuíba, Eder Novais. “Só cabe aos próprios vereadores expulsá-los da Câmara Municipal, a população tem o direito de pressioná-los em nome do respeito e da decência de nossa cidade”

Com exceção de Nenê Crepaldi, os demais parlamentares estão presos preventivamente, assim como a ex-diretora de Recursos Humanos da Prefeitura de Carapicuíba, Elaine Cristina Pereira. O ex-candidato a prefeito Everaldo Francisco da Silva (PT) e o ex-deputado estadual Isac Reis (PT) estão foragidos.

Publicidade

Crepaldi está em regime domiciliar após fazer delação premiada, confessar os atos criminosos aos quais está sendo processado e se comprometer em contribuir com a investigação.

O pedido de cassação está programado para ser discutido na pauta da sessão da próxima terça-feira, 4 de outubro, que começa às 18h. “Pedimos o uso da tribuna que nos foi negado, ainda estamos tentando”, disse Eder.

Três vereadores acusados continuam candidatos

Os vereadores Carlos Japonês, Nenê Crepaldi, ambos do PPS, e Jefferson Macedo, do PSDB, continuam na disputa eleitoral para a reeleição, que acontece no domingo, 2 de outubro. Os três tiveram suas candidaturas deferidas pela Justiça Eleitoral e podem disputar uma das 17 cadeiras na Câmara de Carapicuíba para o pleito que se inicia em 2017.

Compartilhar

Comentários