PT decide que terá candidato próprio, mas continua no governo Lapas

3
Emidio: “Lapas falou que não quer guerra com o PT. Nós também não queremos guerra com o Lapas"

Em reunião na noite desta segunda-feira, 4, o PT de Osasco reafirmou que terá candidato próprio à prefeitura após a saída do prefeito Jorge Lapas rumo ao PDT, oficializada dia 28 de março. No entanto, pelo menos até o momento, petistas continuam no governo Lapas e a legenda sinaliza para uma campanha de não agressão contra a reeleição do prefeito.

publicidade
Emidio: “Lapas falou que não quer guerra com o PT. Nós também não queremos guerra com o Lapas"
Emidio: “Lapas falou que não quer guerra com o PT. Nós também não queremos guerra com o Lapas”

“No dia que ele (Lapas) me falou da mudança de partido, eu disse pra ele: ‘não conte com meu apoio, vou apoiar o candidato do PT’”, declarou o presidente do PT-SP e ex-prefeito de Osasco Emidio de Souza.

Emidio é um dos cotados para ser novamente o candidato do PT à prefeitura de Osasco. Outros nomes especulados são o deputado federal Valmir Prascidelli, o deputado estadual Marcos Martins e a vereadora Mazé Favarão.

publicidade

Sobre a permanência de petistas no governo Lapas, Emidio declarou: “Não vou falar para nenhum militante: ‘saia do governo’. Mesmo porque este governo que está aí fomos nós que elegemos”.

O presidente do PT-SP também não fez críticas a Lapas, de quem é padrinho político, pela mudança de partido. “Quem pensa que vai ouvir de mim algum ataque a alguém que já foi filiado ao PT, está enganado”, afirmou. “Lapas falou que não quer guerra com o PT. Nós também não queremos guerra com o Lapas, vamos defender nosso projeto”.

publicidade

Emidio volta a alfinetar Rogério Lins

O ex-prefeito de Osasco, Emidio de Souza, alfinetou a pré-candidatura de Rogério Lins (PTN) à prefeitura de Osasco. Ele voltou a chamar o parlamentar de “garoto aventureiro”. “Não podemos deixar nossa cidade cair nas mãos de um garoto aventureiro, de um playboy aventureiro”, disparou.

Comentários