Durante evento na manhã desta quarta-feira, 1º, o prefeito de Osasco, Rogério Lins (PTN) defendeu a reativação de um convênio para que policiais militarem voltem a aplicar multas de trânsito no município, anunciada na semana passada.

publicidade

“A gente não pode ficar sem fiscalização no trânsito, a gestão anterior me deixou com nove agentes de trânsito”, disse o prefeito de Osasco.

“Segurança de trânsito, as pessoas só falam em multa, multa, multa, e não é [com] isso que estou preocupado. Estou preocupado com a segurança do motorista, do passageiro, da pessoa que transita pela cidade”.

publicidade

Radares

O prefeito de Osasco também anunciou a volta dos radares. Com os equipamentos desativados desde o fim do ano passado por falta de pagamento por parte da gestão anterior, Lins afirmou, em entrevista coletiva na segunda, 30, que a administração municipal vai recolocar os equipamentos em funcionamento.

Ainda não há prazo definido, mas o prefeito antecipou que os trâmites para a volta dos radares estão “em fase adiantada”.

publicidade

“Os radares, não entendo que tenham um caráter arrecadatório, mas para que os motoristas saibam que não pode andar a 100 km/h na avenida dos Autonomistas, não pode passar no farol vermelho, porque às vezes a pressa dele provoca um acidente que custa uma vida”, declarou.

Comentários

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui