Rui Falcão rebate declarações de Marcos Valério

Rui Falcão rebate declarações de Marcos Valério

0
Compartilhar

Em nota à imprensa, nesta terça-feira, 11, o presidente nacional do PT, Rui Falcão, defendeu o partido e o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva rebatendo as últimas declarações dadas pelo empresário Marcos Valério à Procuradoria-Geral da República.

“Trata-se de uma sucessão de mentiras envelhecidas, todas elas já claramente desmentidas. Valério ataca pessoas honradas e cria situações que nunca existiram, pondo-se a serviço do processo de criminalização movido por setores da mídia e do Ministério Público contra o PT e seus dirigentes”, disse Falcão.

Segundo o depoimento de Valério, o esquema do chamado “mensalão” ajudou a pagar “despesas pessoais” do ex-presidente Lula em 2003. O empresário disse ainda que o próprio Lula deu o aval, em reunião no Palácio do Planalto, para empréstimos dos bancos que irrigariam os pagamentos de parlamentares da base de se governo. Além de afirmar que sua defesa no caso do mensalão (R$ 4 milhões) foi paga pelo PT.

Publicidade

Falcão negou as informações e disse que essas informações são uma tentativa de incriminar Lula e o PT. “Não pagamos honorários aos advogados de Marcos Valério. “Desconhecemos o conjunto de declarações do Marcos Valério e estamos supondo que elas foram feitas. A mídia e o Ministério Público não deveriam dar créditos a alguém que, condenado, tenta reduzir suas penas caluniando o PT”, afirmou.

Por fim, Rui Falcão disse que “a campanha difamatória que estamos sofrendo nos últimos meses não impediu nossa vitória nas eleições de outubro e nem conseguirá manchar o trabalho que nosso partido tem realizado em defesa do país, da democracia e, principalmente, da população mais pobre”.

Compartilhar


Comentários