Santana de Parnaíba e Barueri têm maior IDH

0
Bairros nobres nas duas cidades contribuem para índices altos de desenvolvimento humano / Foto: Eduardo Metroviche

Bairros nobres nas duas cidades contribuem para índices altos de desenvolvimento humano / Foto: Eduardo Metroviche
Bairros nobres nas duas cidades contribuem para índices altos de desenvolvimento humano / Foto: Eduardo Metroviche

publicidade

Santana de Parnaíba e Barueri lideram, entre os municípios da região, o Índice de Desenvolvimento Humano Municipal (IDHM), divulgado na terça-feira, 25, em uma parceria entre o Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (Pnud), o Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) e a Fundação João Pinheiro.

Itapevi é município que mais avança

De acordo com o estudo, Santana de Parnaíba tem IDH de 0,814 (quanto mais próximo de 1, melhor o desempenho), o que situa a cidade entre os municípios com índice considerado muito alto. A dimensão que mais contribui para o IDHM do município é Renda, com índice de 0,876, seguida de Longevidade, com índice de 0,849, e de Educação, com índice de 0,725. Entre todos os 5.565 municípios do país, Parnaíba ocupa a 16ª posição no ranking.
Já Barueri aparece com índice 0,786, considerado alto pelo Ipea. O que mais contribuiu para o IDHM do município foi o índice de Longevidade, com índice de 0,866, seguida de Renda, com índice de 0,791, e de Educação, com índice de 0,708. Barueri ocupa a 87ª posição entre todos os municípios brasileiros.

publicidade

O estudo, compilado no Atlas do Desenvolvimento Humano no Brasil (www.atlasbrasil.org.br), traz dados sobre a expectativa de vida, renda per capita e educação da população. Santana de Parnaíba tem renda per capita de R$ 1.858, a maior da região, seguida de Barueri, com R$ 1.095, e Cotia, com R$ 1.085. Com relação ao índice de educação, Parnaíba também foi o município mais bem avaliado, com índice 0,725, seguida por Osasco, que teve 0,718.

Evolução
O estudo trouxe uma comparação entre o IDHM em 2000 e em 2010, ano ao qual os dados se referem. O município que mais conseguiu avançar foi Itapevi, com crescimento de 20,49% em seu IDH. A cidade conseguiu evolução significativa em seus índices educacionais. No ano 2000 eram apenas 60% das crianças de 5 a 6 anos frequentando a escola e, em 2010, esse índice chegou a 94%. A expectativa de vida da população cresceu de 70,47 para 76,28 anos.
Pirapora do Bom Jesus continua sendo o município com o pior IDH (0,727), mas teve um crescimento de 17,07% no índice na década passada.

publicidade

Índice de Desenvolvimento Humano na região

Município    IDHM         Ranking Nacional
Santana de Parnaíba        0,814          16º
Barueri         0,786            87º
Cotia           0,780             128º
Osasco         0,776             168º
Vargem Grande Paulista      0,770         227º
Taboão da Serra         0,769          238º
Jandira            0,760         366º
Carapicuíba            0,749         562º
Itapecerica da Serra           0,742        719º
Embu das Artes         0,735        897º
Itapevi           0,735           897º
Pirapora do Bom Jesus        0,727       1107º

*Quanto mais próximo de 1, melhor o índice. Fonte: Atlas do Desenvolvimento Humano no Brasil

Comentários