Sede da Rede Globo no Rio é ocupada por movimentos pró-Lula

Sede da Rede Globo no Rio é ocupada por movimentos pró-Lula

2
Compartilhar
O manifestantes denunciam o papel do grupo de mídia na perseguição ao ex-presidente Lula. Foto: Reprodução Facebook

Integrantes de movimentos sociais pró-Lula ocuparam na manhã desta segunda-feira, 22, a sede da Rede Globo de Televisão, localizada no Jardim Botânico, zona Sul do Rio de Janeiro. O objetivo, segundo os organizadores, é denunciar o papel do grupo de mídia na perseguição ao ex-presidente Lula e no aprofundamento do golpe de 2016.

De acordo com o Levante Popular da Juventude, cerca de 150 pessoas estão desde as 10 horas da manhã acampadas no prédio da emissora na rua Jardim Botânico. A ocupação é organizada pelas frentes Brasil Popular e Povo Sem Medo. “Sede da Rede Globo no Rio de Janeiro ocupada! Globo condena Lula. O povo enfrenta a Globo”, escreveu o movimento em sua página no Facebook.

Na próxima quarta-feira, 24, o ex-presidente será julgado em segunda instância pela 8ª turma do TRF-4 (Tribunal Regional Federal da 4ª Região), sediado em Porto Alegre, no chamado processo do tríplex, da Operação Lava Jato.  O resultado pode ser decisivo para candidatura de Lula às eleições de 2018. A ocupação desta manhã faz parte da série de protestos prometida pelos movimentos em apoio a Lula. “O povo vai votar”, avisa o Levante.

Compartilhar

Comentários