Subsecretário de Segurança de Jandira estava armado no momento em que sofreu atentado

0
atentado secretario jandira
Reprodução / Band

A Polícia Civil investiga o atentado a tiros sofrido pelo subsecretário municipal de Segurança Pública de Jandira, Alex Sandro Silva Baim, na tarde desta quinta-feira (23). O político foi baleado no pescoço e segue internado em estado grave.

publicidade

O crime aconteceu por volta das 14h. O BMW em que ele estava foi atingido por oito tiros, na avenida Dr. Humberto Gianella, no Jardim Belval, em Barueri. Os disparos foram feitos por ocupantes de uma moto, que fugiram em seguida, sem roubar nada. Ocupantes de uma segunda moto também teriam participado da emboscada.

O subsecretário andava armado, com uma arma registrada em seu nome, mas não conseguiu revidar o ataque sofrido. A vítima foi socorrida pelo SAMU e levada pelo helicóptero águia da Polícia Militar para um hospital.

publicidade

“A gente vai levantar ainda se ele já tinha algum inimigo, se vinha recebendo ameaças. São várias possibilidades. Tudo isso vai ser levantado no decorrer das investigações”, declarou o delegado Celso França.

Jandira tem um histórico de atentados a tiros contra políticos. Entre as vítimas, em 2010, o então prefeito Braz Paschoalin (PSDB) foi executado na entrada de uma rádio. Ex-vereadores, suplente de vereador e o pré-candidato a prefeito Luiz Decarli Filho, o Goiaba, em 2011.

publicidade

Comentários