Uma musa da solidariedade

0

DSCF0076Leandro Conceição

publicidade

Em seu primeiro concurso de miss, a jovem Fayra Tolentino, de 19 anos, ficou com a faixa de Miss Solidariedade no Miss Osasco 2013, realizado este mês. Ela mobilizou familiares e amigos e arrecadou 505 quilos de alimentos, para serem doados a uma ONG que atua no município.

“Foi uma coisa de impor metas. Tracei a meta de meia tonelada, falei com meus amigos, o pessoal da família, que ajudou muito e doou mais de um terço da minha arrecadação”, conta ela. “Foi emocionante ver aquela quantidade enorme de alimentos para ajudar as pessoas, é muito importante poder ajudar”.

publicidade

DSCF0080

Moradora do Jardim d’Abril, Fayra conta que há poucos meses não se imaginava em um concurso de miss. Ela foi convidada durante uma aula de dança na academia que organiza o Miss Osasco, a Panteras.
“Entrei na aula de dança para desestressar um pouco do cursinho pré-vestibular que faço. E em pouco tempo passei a viver coisas completamente diferentes da minha rotina. Foi uma transição de uma menina brincalhona para uma candidata a miss”.

publicidade

“É muito importante poder ajudar”, diz a miss solidariedade de Osasco

Participando do concurso, a bela diz que aprendeu “a ser mais feminina, ter uma postura melhor, andar de salto”. Ela também viu que a vida de modelo “vai muito além da visão equivocada de futilidade, que muitos têm. Você conhece histórias, a batalha de cada uma, que tem que abrir mão de muita coisa, fazer muitos sacrifícios”.

Para o futuro, Fayra destoa do sonho de grande parte das misses, de ser “modelo, atriz ou apresentadora”: “quero ser uma grande arquiteta”, garante. Entre as referências na área, a bela cita a dupla que projetou Brasília, Lúcio Costa (1902-1998) e Oscar Niemeyer (1907-2012) “um homem muito a frente de seu tempo”.

DSCF0091“Para-quedas”
Sobre os concursos de miss, ela diz que “foi uma experiência muito boa, mas não é o meu estilo”. “Participei ‘de para-quedas’, vi que a gente deixa muita coisa da vida pessoal de lado, gosto de poder andar à vontade, fazer minhas coisas, estudar, e é muito difícil de conciliar dentro dessa área”.
Sobre a vencedora do concurso e atual Miss Osasco, Nayara Perassoli, Fayra avalia que a cidade “está muito bem representada.

Comentários