Unificar lutas pelo aumento e direitos

0

 

publicidade

11_jorge

Jorge Nazareno – Presidente do Sindicato dos Metalúrgicos de Osasco e Região

publicidade

A partir desta terça-feira, 16, vamos percorrer as portas de fábrica, em assembleias concentradas por cidades para, assim, mobilizar o maior número de companheiros e de companheiras para a luta pelo aumento real e por nossa Convenção Coletiva.
Temos de fazer uma pressão intensa, firme sobre os patrões para que as negociações andem e as conversas se deem em torno de propostas que sejam do interesse dos trabalhadores. A julgar pelo que temos visto do comportamento empresarial nas negociações com a Federação dos Metalúrgicos da CUT, vamos ter ainda mais trabalho.
Basta ver que a data-base daqueles companheiros é em 1º de setembro, mas, passados quinze dias, ainda não houve acordo. Isso porque não há propostas que sejam razoáveis nem para serem colocadas para avaliação da categoria numa assembleia.
Então, vamos fazer desta uma oportunidade para unir a luta, o que nos torna ainda mais fortes para cobrar, na mesa de negociações, propostas à altura do quanto contribuímos com as indústrias e com a força política e econômica da nossa categoria.
Por isso, companheiros e companheiras, estejam atentos ao chamado da diretoria na porta das fábricas, participem e construam essa mobilização. A nossa vitória depende da nossa determinação em demonstrar a nossa força e unidade.

publicidade

Comentários