Vereador diz ter sido ameaçado de morte em Jandira

0
O vereador Zezinho (PT) durante evento na Câmara Municipal / Foto: Victor Bustamante

Em Jandira, o vereador Reginaldo Camilo dos Santos, mais conhecido como Zezinho (PT), diz ter sido ameaçado de morte por um diretor da Câmara Municipal na terça-feira, 17.

publicidade

“Você está fazendo hora extra aqui. Vou encher sua cabeça de tiros”, teria afirmado o diretor ao vereador no hall de entrada do Legislativo, enquanto Zezinho chegava de uma reunião externa.

O vereador Zezinho (PT) durante evento na Câmara Municipal / Foto: Victor Bustamante
O vereador Zezinho (PT) durante evento na Câmara Municipal / Foto: Victor Bustamante

O caso foi registrado por policiais militares, chamados para garantir a segurança do vereador. “É lamentável em pleno século 21, vivendo numa democracia, receber ameaça porque defendo ideias. As bandeiras políticas podem e devem ser divergentes, mas é um absurdo receber ameaças de morte por não pertencer ao mesmo grupo”, afirmou Zezinho.

publicidade

Jandira tem histórico de violência contra políticos. Em 2010 o então prefeito Braz Paschoalin (PSDB) foi morto a tiros. Em 1983 outro prefeito também foi assassinado: Dorvalino Teixeira.

publicidade

Comentários