Viola entra na Justiça em Barueri por álbum sobre a história do Corinthians

0
viola corinthians
Foto: reprodução

O ex-jogador de futebol Paulo Sergio Rosa, o Viola, entrou na Justiça em Barueri contra a editora Panini para pedir indenização pelo uso de imagem dele em álbum de figurinhas sobre os mais de 100 anos de história do Corinthians, clube que ele defendeu no final dos anos 1980 e nos anos 1990.

Viola reclama não ter sido consultado e, consequentemente, não ter autorizado o uso de sua imagem no “Livro Ilustrado Oficial Corinthians – O Campeão dos Campeões”, lançado em 2016.

Publicidade

A Panini diz que as informações sobre o atleta que constam na obra têm características de conteúdo jornalístico: “Seria um verdadeiro desrespeito com a agremiação, com os fãs, e com ele próprio, não incluí-lo ou mencioná-lo no livro ao retratar os títulos conquistados”.

No entanto, decisão da 5ª Vara Cível de Barueri acatou o pedido de Viola e condenou a editora a indenizar o ex-jogador em R$ 10 mil, alegando que a publicação teve fins comerciais, tratando-se de exploração econômica da imagem de direito patrimonial. Cabe recurso da decisão.

Comentários