Visão Atenta: Gil sinaliza que irá concorrer à reeleição

0
Foto: Fio/PMB

Candidato
O prefeito de Barueri, Gil Arantes (DEM), sinalizou que irá concorrer à reeleição mesmo se decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) resolver pelo seu afastamento do cargo antes da eleição de outubro. “Se a liminar cair sou afastado, mas continuo elegível, não tem nada que impeça a minha candidatura”, disse o prefeito. O caso envolve desapropriações de terrenos em sua gestão anterior na prefeitura, de 1997 a 2004.

publicidade
Foto: Fio/PMB
Foto: Fio/PMB

Crise
Mesmo com denúncias, Gil Arantes mostrou-se confiante para a campanha que se avizinha. Diz ter garantido o apoio de 14 partidos e cerca de 200 candidatos a vereador. O mote da campanha, segundo o prefeito, será mostrar eficiência na gestão, diante da crise econômica que afetou fortemente o orçamento do município. “Administrar a cidade com fartura é fácil. O governo anterior teve um ano com aumento de arrecadação de 30%. Hoje, estamos administrando com poucos recursos e tendo que tomar atitudes impopulares”, afirmou. Devido à crise econômica, Arantes acredita que “o momento não é propício a nenhum político que está no cargo”.

Cassação
O Tribunal Regional Eleitoral (TRE-SP) cassou nesta quinta-feira, 28, o mandato do deputado estadual José Abelardo Camarinha (PSB) e o tornou ineegível por oito anos por uso indevido dos meios de comunicação social. Para o relator do processo, desembargador Mário Devienne Ferraz, Camarinha “tinha vínculos” com os proprietários dos periódicos Correio Mariliense e Diário de Marília, sendo nitidamente favorecido, nas eleições de 2014, por uma série de chamadas jornalísticas que objetivaram alavancar a candidatura do político. Cabe recurso.

publicidade

Oposição
O PPS de Osasco realizou na terça-feira, 26, a primeira reunião do ano com o seu pré-candidato à prefeitura, Cláudio Piteri. O encontro reuniu dirigentes do partido e pré-candidatos a vereador que fazem oposição ao atual governo.

publicidade

Comentários