Você acredita em alguma superstição de fim de ano?

0

Sim, acredito. Mas porque já pesquisei o ‘porquê’ delas. Acredito na purificação do banho de mar, na boa sorte das sementes de uva na carteira, em tudo o que leva sua mente a pensar positivo repetidamente. O que faz a diferença não é a semente de uva, mas sim a convicção do pedido repetidas vezes. Poder da atração: você deseja, pede, e atrai.
Alethea Meira, 38, advogada, Osasco

publicidade

Não acredito. Isso é lenda das pessoas, coisa inventada pelo pessoal mais antigo. Dizem que não pode comer frango porque cisca pra trás e aí sua vida não vai pra frente. Isso só pode ser brincadeira.
Maria Elisa Barbosa, 52, dona de casa, Barueri

Não tenho, mas minha mãe tem. Ela faz a gente comer lentilha, diz que dá sorte.
Fernando Gomes da Silva, 28, fotografo e diagramador, Carapicuíba

publicidade

Não acredito. Conheço pessoas que acreditam em coisas como banho de sal grosso, pular sete ondas etc. Respeito isso, mas acho que se você acreditar e tiver alvos na vida, comunhão com a família e orar bastante, você consegue o que quer.
Marco Aurélio Souza, 40, empresário, Osasco

Tenho o habito de comer lentilhas todo ano novo para não faltar dinheiro. Às vezes dá certo. Penso que se não comesse poderia ser pior.
Marcos Mello, 42 anos, publicitário, Osasco

publicidade

Não faço, mas não contrario ou desacredito de quem faz. Cada um busca o que é compatível com sua própria fé.
Cristiano Aro, 16, estudante, Cotia

Não acredito em nenhuma, não sei de onde surgiram.
Dennis Mitchell, 28, designer gráfico e web, Osasco

Comentários