Com professores em greve desde novembro, por estarem há mais de cinco meses sem receber salários, o Centro Universitário Fieo (Unifieo), retoma nesta segunda-feira, 23, as aulas para os alunos que, devido à paralisação, não concluíram todas as disciplinas no segundo semestre. As aulas serão dadas por docentes que não aderiram à mobilização.

publicidade

Em dezembro, a Justiça havia dado ao Unifieo o prazo de dez dias para que a instituição pagasse os salários atrasados dos professores. O prazo venceu dia 24 de dezembro e os profissionais continuam sem receber.

Docentes e alunos realizaram
protestos reivindicando o pagamento dos atrasados / Foto: Carol Nogueira.

Como garantia de pagamento, a Justiça colocou na hipoteca o imóvel localizado na Rua Narciso Sturlini, Centro, onde funcionava o campus do curso de Direito.

publicidade

Mais de R$ 20 milhões em dívidas  

A instituição, que tem mais de R$ 20 milhões em dívidas, alega falta de recursos e diz que estuda alternativas para quitar as pendências.

Em novembro, a reitoria do Unifieo apontou como fatores para a crise o atraso em repasses do Fies, do governo federal, e a alta da inadimplência dos alunos, que, de acordo com a instituição, ficou em R$ 6 milhões só no ano passado.

publicidade
Comentários

1 COMENTÁRIO

  1. As aulas que deveriam ser retomadas hoje, para alunos do terceiro semestre, foram canceladas. Isso está impactando diretamente na vida dos alunos, estamos perdendo nossos estágios e tudo que conquistamos até agora. É uma vergonha para a cidade e para o Unifieo. Queremos apenas estudar que pode nos ajudar? Estamos desesperados com isso. =/

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui