Denúncia anônima leva Polícia Ambiental à casa com animais silvestres em Santana de Parnaíba

0
Polícia ambiental encontra animais silvestres em Santana de Parnaíba
Foto: Polícia Militar

Uma mulher de 39 anos foi detida pela Polícia Militar Ambiental na sexta-feira (17), por manter animais silvestres e roedores de forma irregular em Santana de Parnaíba. Foram encontrados macaco-prego, saguis, jabutis, tartarugas da espécie tigres d’água, além de mais de 100 roedores.

publicidade

Os policiais chegaram ao local, uma região de chácaras no município, por meio de uma denúncia anônima sobre suposto tráfico de animais. No imóvel, a equipe do 1° Batalhão de Polícia Ambiental foi recebida pela proprietária da casa, que negou as acusações.

“Quando ela nos recebeu no portão, pediu para retornar em casa para colocar uma roupa adequada. Ela teve um tempo hábil para poder guardar os animais em outros cômodos. Ela tirou os animais das gaiolas e deixou todos eles soltos pelos ambientes”, explicou um PM à reportagem do jornal “Primeiro Impacto”, do SBT.

publicidade

Durante buscas no imóvel, foram encontrados um macaco-prego, três saguis, dois jabutis e três tartarugas da espécie tigres d’água. Na residência, havia também mais de 100 ratos, que seriam utilizados como alimentação para répteis e para estimação, e um canário-do-reino morto.

Os animais foram apreendidos e encaminhados para uma unidade de proteção de animais na região. Já a mulher foi detida para prestar esclarecimentos e responderá por maus-tratos.

publicidade

Comentários