Disputa para definir quem será o candidato a prefeito de Osasco causa...

Disputa para definir quem será o candidato a prefeito de Osasco causa turbulência no PSDB

0
Compartilhar
candidato prefeito osasco psdb

Aline Abreu

Com as eleições de 2020 se aproximando, o PSDB de Osasco parece passar novamente por um momento de turbulência em torno da definição de quem será o candidato do partido a prefeito.

Na noite desta segunda-feira (26), o vereador Elissandro Lindoso, ex-presidente da Câmara Municipal, cotado para ser o candidato, promoveu um evento intitulado “juntos por Osasco”. Nele, figurões tucanos defenderam a pré-candidatura de Lindoso. Entre eles, Marco Vinholi, secretário de Desenvolvimento Regional do Estado e presidente estadual da legenda.

“Nós temos plena confiança em sua candidatura a prefeito de Osasco. E não só na candidatura, mas na vitória”, disse Vinholi, que ainda foi categórico ao apoiá-lo em nome da Executiva estadual: “Em nome do PSDB do Estado de São Paulo, quero te desejar sucesso. Estaremos lado a lado aqui construindo essa grande vitória”.

Por outro lado, nenhum dos dois companheiros de partido de Lindoso na Câmara, os vereadores De Paula e Didi, compareceram. Ao comentar sobre o evento à reportagem do Visão Oeste, De Paula, que também é cotado para ser candidato, alfinetou, afirmando que o PSDB decidirá quem vai sair candidato através de prévias, regulamentadas, com reuniões marcadas pelo partido, e não em eventos particulares.

Já Didi disse que só apoiará Lindoso se ele passar nas prévias e que não acredita que a Executiva estadual esteja impondo a candidatura.

“Se ele vencer as prévias, eu vou me curvar perante o partido e serei obrigado a apoiar ele. Até o João Doria só foi candidato porque ele venceu as prévias”, pontuou Didi.

Apesar das movimentações e dos apoios que tem recebido, Lindoso ainda não confirma a pré-candidatura.

Também participaram do evento de Lindoso nesta segunda-feira nomes como Carlos Balotta, secretário-geral do PSDB; e Silas Bortolosso, presidente do PSDB de Osasco, entre outras lideranças do partido. No convite também foi citado o nome da deputada federal barueriense Bruna Furlan, mas ela não marcou presença.

Compartilhar

Comentários