Início Cidades Barueri Doses vencidas de vacina contra a covid foram aplicadas em Osasco, Barueri,...

Doses vencidas de vacina contra a covid foram aplicadas em Osasco, Barueri, Carapicuíba e região, segundo jornal

0
Rovena Rosa / Agência Brasil

Osasco, Barueri, Carapicuíba e região estão entre os mais de 1,5 mil municípios que receberam do governo federal e aplicaram doses vencidas da vacina AstraZeneca contra a covid-19, segundo levantamento divulgado nesta sexta-feira (2) pelo jornal “Folha de S. Paulo”, com base em registros oficiais do Ministério da Saúde.

publicidade

Em todo o país, foram aplicadas pelo menos 25,9 mil doses vencidas, das quais pelo menos 3,6 mil no estado de São Paulo, ainda de acordo com a “Folha”. Os imunizantes expirados integram oito lotes da AstraZeneca. A maioria (70%) das doses aplicadas depois da validade é de um lote que teve vencimento em 14 de abril.

Em Osasco, foram aplicadas 76 doses vencidas da vacina contra a covid-19, segundo a reportagem. A maioria nas UBSs “Maria Gatti Giglio”, no Jardim das Flores (17 doses), “Carmeno Nagghy”, no Jardim Davila (13), e “Santa Maria Goretti”, no Bela Vista (9).

publicidade

Em Cotia, foram aplicados 32 imunizantes expirados, dos quais 15 na UBS “Atalaia”. Em Carapicuíba foram 30 doses vencidas e em Barueri, 15, dos quais 9 na UBS “Maria Francisca de Melo” — confira a relação das unidades de saúde da região abaixo.

Além das 25,9 mil doses que já haviam sido aplicadas, outras 113.976 doses vencidas desses oito lotes não tinham sido ministradas até 19 de junho, último dia verificado pelo levantamento. Ou seja, o número de pessoas que já recebeu o imunizante expirado pode ultrapassar 130 mil pessoas.

publicidade

De acordo com o Plano Nacional de Operacionalização da Vacinação contra Covid-19, quem tomou imunizante vencido precisa se revacinar pelo menos 28 dias depois de ter recebido a dose administrada equivocadamente. Na prática, é como se a pessoa não tivesse se vacinado.

Confira na carteira de vacinação se a dose que você recebeu era de um dos seguintes lotes:

4120Z001 / vencimento em 29/03

4120Z004 / vencimento em 13/04

4120Z005 / vencimento em 14/04

CTMAV501 / vencimento em 30/04

CTMAV505 / vencimento em 31/05

CTMAV506 / vencimento em 31/05

CTMAV520 / vencimento em 31/05

4120Z025 / vencimento em 04/06

Caso você tenha recebido vacina da AstraZeneca de um dos oito lotes após a data de vencimento, procure um posto de saúde com sua carteira de vacinação para registro do erro vacinal e para receber orientações.

Locais que aplicaram doses vencidas nas cidades que fazem parte do Consórcio Intermunicipal da Região Oeste (Cioeste)*:

OSASCO

CARAPICUÍBA

BARUERI

COTIA

ITAPEVI

SANTANA DE PARNAÍBA

CAJAMAR

VARGEM GRANDE

* Fonte: Folha de S. Paulo / DataSUS, Sage (Sala de Apoio à Gestão Estratégica) e Plano Nacional de Operacionalização da Vacinação contra Covid-19

O que dizem as autoridades:

O Ministério da Saúde informou, por meio de nota, “que acompanha rigorosamente todos os prazos de validade das vacinas Covid-19 recebidas e distribuídas”. Além disso, “cabe aos gestores locais do SUS o armazenamento correto, acompanhamento da validade dos frascos e aplicação das doses, seguindo à risca as orientações do Ministério.”

A Secretaria de Saúde do Estado de São Paulo confirmou cerca de 4.000 doses ministradas após validade e afirmou, por meio de nota, que “orienta os municípios sobre a aplicação da vacinação contra a covid-19 e a importância da verificação da data de validade antes do uso do frasco de uma vacina, inclusive com documentos técnicos com todas as condutas necessárias. Todas as grades são distribuídas dentro do prazo de validade”.

Comentários