Em processo extinto, Gugu foi acusado de abusar de menino de 14 anos, diz reportagem

0
Leandro Boomerang Gugu
Leandro nos tempos do grupo Boomerang

Reportagem do portal “Diário do Centro do Mundo (DCM)” revela que o apresentador Gugu Liberato foi processado por acusação de abuso sexual contra um menino de 14 anos que fazia parte de uma banda de jovens lançada pelo apresentador. Gugu morreu em novembro, aos 60 anos, em um acidente doméstico nos Estados Unidos.

O processo, que tramitou sigilosamente durante quatro anos, foi extinto em 2017, após um acordo extrajudicial entre Gugu e o rapaz que o acusava, o DJ Leandro Kloppel Lo Frano. No acordo, Gugu teria pago R$ 1 milhão e arcado com os honorários advocatícios do acusador, diz a reportagem do “DCM”. Leandro teria pedido R$ 10 milhões no processo.

De acordo com o relato do processo, informa o “DCM”, Leandro, que era modelo fotográfico, tinha 13 anos quando foi chamado para fazer um teste em um novo grupo musical, que se chamaria Boomerang, idealizado por Gugu.

Publicidade

No teste para ingresso na banda, os meninos candidatos receberam, de um homem identificado como Ramon, informações de que o tamanho do pênis seria importante para uma parte do show em que apareceriam de toalha e houve a solicitação de que todos se masturbassem.

Leandro foi um dos cinco escolhidos para o Boomerang e, assim como outros garotos da banda, teria sofrido abusos de Ramon. Até que, após seis meses, teria sido chamado para uma festa na casa de Gugu, onde os presentes faziam comentários inadequados sobre os meninos, como “que delícias!” e “que corpo”.

Ainda de acordo com a reportagem do “DCM” com base no relato do processo, Ramon teria dito a Leandro que Gugu havia gostado dele e teria o orientado a ir ao quarto dele, onde teria sido acariciado pelo apresentador. Gugu também teria dito a Leandro que outros artistas jovens fizeram sucesso “em razão da proximidade que tinham com ele”.

Segundo o relato no processo divulgado pela reportagem, dias depois dessa suposta festa na mansão de Gugu, o Boomerang estreou na TV. Uma das primeiras apresentações do grupo foi no “Sabadão Sertanejo”, apresentado por Gugu.

Em seguida, após um jantar para comemorar o lançamento da banda, Leandro, então com 14 anos, teria sido levado por Gugu para un apartamento do apresentador, onde teriam dormido juntos pela primeira vez, sempre segundo o relato no processo divulgado pelo “DCM”.

Aos 18 anos, Leandro ganhou de presente de Gugu uma viagem a Orlando, onde conheceu a Disney. Na volta, o jovem teria dito a Gugu que não queria continuar o suposto relacionamento, já que havia iniciado uma relação amorosa com uma mulher. O apresentador inicialmente teria aceitado, mas depois teria passado a insistir com Leandro por telefone e e-mail.

Anos depois, com o fim do casamento do jovem, Gugu teria bancado uma viagem do rapaz a Ibiza, onde fez cursos de DJ e de inglês.

Em 2011, de acordo com o relato no processo, Gugu tinha um novo namorado, que não gostava de Leandro e o acusou de roubar bebidas em uma festa. Depois, Leandro teria decidido romper de vez com o apresentador.

O homem tentou seguir carreira artística e acusou Gugu de sabotá-lo, como quando foi pré-selecionado para “A Fazenda” e acabou excluído. Leandro diz que o apresentador temia que, durante o reality show, ele acabasse deixando escapar informações sobre a história dos dois.

O homem decidiu processar Gugu e, inicialmente, foi acusado de tentativa de extorsão pelos advogados do apresentador. O processo, de número 1049937-02.2013.8.26.0100, acabou extinto após Gugu indenizar Leandro extrajudicialmente.

Clique aqui e leia a reportagem do “DCM” na íntegra

Comentários