Emidio confirma pré-candidatura a prefeito de Osasco e diz que fará campanha “sem baixaria”

1
emidio osasco
O anúncio foi feito por Emidio em entrevista coletiva na manhã desta quarta-feira (4)

Jenifer Oliveira

O deputado estadual Emidio de Souza (PT) anunciou sua pré-candidatura a prefeito de Osasco em uma entrevista coletiva na manhã desta quarta-feira (4), na Câmara Municipal.

O petista, que já foi prefeito de Osasco por duas vezes (de 2005 a 2012) e também vereador, disse que pretende fazer uma campanha propositiva. “É um momento para debater ideias, de comparar o perfil de cada um sem partir para a ‘baixaria’, que tem tomado conta da política brasileira nos últimos anos”.

Publicidade

“A disputa da Prefeitura não é um momento para convencer as pessoas a se tornarem petistas. Estou pedindo a oportunidade para ser prefeito de Osasco novamente porque confio na nossa capacidade de administrar a cidade e levá-la a um patamar melhor”, disse Emidio. Na entrevista, ele estava ao lado do presidente do Diretório Municipal do PT, Aloísio Pinheiro, do ex-deputado federal Valmir Prascidelli e do ex-deputado estadual Marcos Martins, entre outras lideranças do partido.

Emidio diz que o PT “superou” a crise vivida nas eleições de 2016, quando não conseguiu eleger sequer um vereador em Osasco. “Hoje é outro momento. O PT superou tudo isso. Queremos dar para a nossa candidatura um perfil de centro-esquerda, um governo progressista e democrático”.

Com a confirmação da pré-candidatura de Emidio, o próximo passo é a definição sobre o nome do vice na chapa. A expectativa é que o nome surja de um partido aliado na chapa. Ainda não há alianças definidas, mas há negociações nos bastidores.

Os principais adversários de Emidio na disputa pela Prefeitura de Osasco devem ser o prefeito Rogério Lins (Podemos), que buscará a reeleição, e o vereador Elissandro Lindoso (PSDB). Pelo partido Novo, Cacildo Nunes também já anunciou pré-candidatura.

Comentários