“Esse ano voltam a funcionar”, diz prefeito sobre radares em Osasco

0
Após boato no WhatsApp, prefeitura nega instalação de radares
Reprodução

Após evento nesta terça-feira, 8, o prefeito de Osasco, Rogério Lins (Podemos) comentou sobre a lista de supostos pontos onde a administração municipal pretende implantar radares que tem se espalhado nas redes sociais. Ele não negou, nem confirmou que elas sejam verdadeiras, mas admite que há um processo licitatório em andamento e que os radares devem voltar até o fim do ano.

publicidade

A cidade está sem radares desde o fim do ano passado, quando o contrato com a empresa responsável pela manutenção dos equipamentos não foi renovado.

A lista divulgada na internet (veja abaixo) traz supostos pontos de implantação de radares em vias importantes da cidade, como as avenidas dos Autonomistas, Sport Club Corinthians Paulista, Visconde de Nova Granada e Hilário Pereira de Souza.

publicidade

Nos pontos citados, já havia radares antes de o contrato com a empresa responsável pela manutenção dos equipamentos ser finalizado. “São listas de radares que já existiam na cidade. A gente vai reativar em alguns pontos que têm alto índice de acidentes”.

publicidade

O prefeito diz que ainda não há um prazo concreto para a implantação dos equipamentos de fiscalização, “mas esse ano volta a funcionar”.

“Vai ter o processo licitatório agora, mas ando cauteloso em falar prazo, porque às vezes você promove o processo licitatório, tem interpelação judicial, tem questionamento no Tribunal de Contas… são prazos que não dependem só da gente, mas esse ano volta a funcionar”.

“O que a gente quer regulamentar é o trânsito da cidade”, justifica Rogério Lins sobre a volta dos radares. “Quem se incomoda com um radar de trânsito? Quem anda em alta velocidade, quem passa o farol vermelho. Tenho certeza que nossa população não compactua com isso. Quem não andar em alta velocidade, não passar no farol vermelho, não vai tomar multa”.

Sem radares “pegadinha”

O prefeito promete ainda que não haverá “radares pegadinha” no município. “Quando a fiscalização eletrônica voltar para a cidade, vai ter uma ampla divulgação. Vamos ter um comunicado oficial da Prefeitura falando: ‘tem ponto de fiscalização semafórica aqui, de velocidade ali’, inclusive com placas nas vias públicas. Não vou admitir em Osasco radar pegadinha, quando a pessoa toma uma multa e nem sabe que ali era fiscalizado. Então, Osasco vai ter fiscalização no trânsito, como toda cidade tem”.

Comentários