Homem acusado de matar o irmão em Osasco está foragido

0
Homem acusado matar irmão osasco
Robson (à esquerda) foi morto a facadas por Dino / Fotos: reprodução/"Brasil Urgente"/Band

A polícia procura pelo motorista Dino Oliveira, de 37 anos, acusado de matar o irmão, o motoboy Robson Oliveira, de 29, a facadas, após uma briga, em Osasco. Dino teve a prisão decretada e está foragido. O caso foi tema de reportagem do “Brasil Urgente”, da Band, exibida nesta segunda-feira (22).

publicidade

O crime aconteceu em dezembro. Durante um churrasco em família, Dino teria ameaçado agredir a mulher. Robson interveio e a defendeu. Os dois acabaram trocando socos. Depois, Dino pegou uma faca e esfaqueou Robson, que chegou a ser socorrido, mas morreu no hospital.

Após o crime, Dino teria sido agredido por populares, segundo parentes, e foi parar no hospital, alegando que os ferimentos teriam sido causados pela briga com Robson. Ele chegou a ser internado e fugiu do hospital.

publicidade

Um áudio divulgado pela reportagem do “Brasil Urgente” mostra Dino pedindo ajuda a um amigo: “Preciso da sua ajuda, velho. Meu irmão me espancou, arrebentou minha cara, e eu peguei uma faca e enfiei no peito dele, mano. Me escondi, estou numa rua aqui. Eu preciso sair daqui, velho. Você consegue me tirar daqui?”.

Familiares relatam que Dino sempre foi uma pessoa agressiva e pedem justiça. “Ele tem que pagar e eu peço para quem ver ele na rua que denuncie”, afirmou a viúva de Robson, Sarah Martins, que estava grávida na época do crime.

publicidade

Irmã dos dois, Elaine Oliveira relatou na mesma reportagem que Dino já teve envolvimento com outros crimes. “Ele sempre foi uma pessoa agressiva. Quero que ele vá preso, que pague, e que, cada dia que fique preso, ele lembre do que fez”.

Quem tiver informações que possam levar ao paradeiro de Dino, pode ligar para o Disque Denúncia 181, com anonimato garantido.

Comentários