Barueri: homem dá cinco tiros na ex e envia mensagens rindo dela

0
ataque tiros barueri
“Dei ‘uma pá’ de tiro aqui na Rayane… Tô indo embora. Você pode colocar mais um processo na minha vida”, afirmou Maciel, aos risos, em mensagem de áudio / Foto: reprodução

Uma jovem de 20 anos vive com medo, escondida, após levar cinco tiros do ex-namorado, que não aceitava o fim do relacionamento, em Barueri.

Após atacá-la, o homem, chamado Maciel, que está foragido, enviou mensagens de áudio a amigos rindo do ocorrido. “Dei ‘uma pá’ de tiro aqui na Rayane… Tô indo embora. Você pode colocar mais um processo na minha vida”, afirmou, aos risos, em áudio enviado por WhatsApp. Depois, ele ainda ligou para a irmã da ex e perguntou o horário do enterro.

A mulher, uma jovem de 20 anos que se chama Rayane, afirma que sobreviveu aos tiros do ex por milagre. “[Os médicos] não acreditavam que eu estava viva e lúcida, sabia de tudo que estava acontecendo”, afirmou, à Record TV (assista a reportagem abaixo).

Publicidade

Ela recebeu alta do hospital apenas dois dias depois do ataque. Desde então, vive escondida. Rayane deu entrevista sob escolta de guardas civis municipais de Barueri. “Tenho medo de ficar até no banheiro sozinha. Quando vou dormir, fecho os olhos e vem a imagem dele atirando em mim. Tenho medo de ele vir e terminar o ‘serviço’”, contou. “Ele falou que só vai embora de Barueri quando me matar. Tenho medo”.

A jovem diz que é revoltante “saber que ele está solto, seguindo a vida dele e eu aqui, escondida”. De acordo com ela, ao longo do relacionamento, Maciel “começou a beber demais e ficar agressivo, me humilhar na frente de todo mundo”.

O ataque a tiros aconteceu na frente da sobrinha de Rayane, que tem apenas dois anos de idade, afirmou a jovem. Ela conta que estava em um carro junto à menina e mais dois amigos. “Ele (Maciel) não falou nada, chegou e começou a atirar”. Maciel continua foragido.

Comentários