109 imóveis do Banco do Brasil serão leiloados dia 23

1
Agência situada no centro da cidade de Leme (SP): lance mínimo na casa dos R$ 2 milhões

109 prédios desocupados do Banco do Brasil entre imóveis residenciais e comerciais – rurais e urbanos, localizados nos estados de São Paulo e Rio de Janeiro, sobretudo nas capitais, serão leiloados no dia 23 de agosto, às 11 horas, de forma presencial e online. Entre os imóveis, 39 são unidades de agências, sendo 32 antigas agências da Nossa Caixa e 7 do Banco do Brasil.

publicidade

Os investidores que desejarem participar podem se utilizar de lances presenciais ou online. As ofertas para as agências iniciam com lance mínimo de R$ 177 mil. Já as ofertas para os imóveis residenciais iniciam com lance mínimo de R$ 20 mil.

Em São Paulo há um total de 66 cidades, entre elas Amparo, Bebedouro, Ibitinga, Itapeva, Leme, Mauá, Penápolis, Pirajui, Porto Feliz, Santa Cruz do Rio Pardo, São José do Rio Preto, São Pedro e Uchoa. Entre as oportunidades, um prédio comercial situado em uma área de 484,00m², na cidade de São José do Rio Preto, com lance mínimo de R$ 775 mil.

publicidade

No estado do Rio de Janeiro, serão leiloados imóveis nas cidades de Nova Friburgo, Petrópolis, Rio de Janeiro (capital) e Volta Redonda.

Os investidores que desejarem participar presencialmente devem comparecer ao auditório na Rua Pio XI, 743, Alto da Lapa, em São Paulo. Já para os lances online, os interessados devem fazer o cadastro com até 48 horas de antecedência da data do leilão no site www.lancenoleilao.com.br. Tanto pessoa física quanto jurídica podem participar.

publicidade

De acordo com Carla Umino, leiloeira oficial do Banco do Brasil no estado de São Paulo da Lance no Leilão, empresa que realiza leilões judiciais e extrajudiciais, essa será uma grande oportunidade pois, além das agências estarem em pontos centrais e estratégicos das cidades, será possível ao investidor pagar somente o valor do imóvel, ficando isento do pagamento de luvas, prática comum no mercado imobiliário quando envolve pontos bem localizados e com grande fluxo de pessoas.

“Além dos lotes das capitais de São Paulo e do Rio de Janeiro, estamos contemplando imóveis localizados em diversas cidades do interior desses estados, regiões que, a cada ano, se destacam pela expansão territorial, populacional e comercial”, frisa a leiloeira.

Existindo valores não quitados de IPTU, ITR, CCIR, laudêmio (taxa de transação para a União) e condomínio, o Banco do Brasil ficará responsável pela quitação até a efetivação do registro da transferência do imóvel ao arrematante.

Para visualizar a lista completa dos 109 imóveis, acesse o site www.lancenoleilao.com.br.

Comentários