Jorge Lapas critica Rogério Lins: “Precisa trabalhar um pouquinho mais”

3

IMG-20160817-WA0006

publicidade

Em seu primeiro ato oficial da campanha na qual busca a reeleição à prefeitura de Osasco, o prefeito Jorge Lapas (PDT) fez caminhada pelo Calçadão da Antônio Agu e inaugurou seu comitê central. Ao discursar, Lapas falou sobre um de seus adversários na disputa, o vereador Rogério Lins (PTN), questionando sua produtividade na Câmara Municipal.

“Precisa trabalhar um pouquinho mais, demonstrar que tem condições de governar a cidade. Infelizmente, o que temos de palpável são oito projetos em oito anos, sendo cinco deles de nome de rua e os outros três de homenagens. Precisa mostrar a que veio ainda”, afirmou o prefeito.

publicidade

Ao lado do seu vice, o empresário Luciano Camandoni (PTB), Jorge Lapas disse que seus adversários na disputa pela prefeitura aumentam sua responsabilidade na eleição. “Não quero desmerecer ninguém, mas aumenta nossa responsabilidade, porque quando você perde eleição para alguém que é merecedor, que tem a capacidade de conduzir a nossa cidade, é uma derrota eleitoral, mas não para a cidade. Nós não podemos e a cidade não merece que a gente perca essa eleição”, discursou o pedetista.

publicidade

O prefeito também falou sobre realizações de seu governo e se defendeu de críticas que a administração tem recebido. Lapas admitiu que a área da Saúde é um desafio, mas frisou: “não há caos”. “Ando cada unidade de saúde dessa cidade e o que eu vejo no Facebook é diferente do que acontece nas unidades. Temos problemas localizados, vamos enfrentar e temos capacidade de resolvê-los”, disse.

Na área da Educação, ressaltou a inauguração de dez escolas municipais neste ano e a entrega do CEU das Artes, que, segundo o prefeito, já atende 5 mil crianças e adolescentes com diversas atividades culturais.

Camandoni

O candidato a vice-prefeito, Luciano Camandoni (PTB), repetiu o discurso que fez na convenção no início do mês. Ignorando que o partido cabeça da chapa, o PDT, é contra o impeachment da presidente Dilma Rousseff, voltou a falar dos protestos pelo impedimento da presidente. “A gente não foi às ruas contra a política, mas para que cidadãos de bem como Lapas fiquem na política”, disse.

Já Lapas falou sobre sua saída do PT. “Não me arrependo de ter abandonado uma legenda, uma bandeira que ficou velha muito rápido. A valorização que tive no PDT não tive no partido que eu tava”, afirmou.

Comentários

3 COMENTÁRIOS

  1. Queria saber o que este senhor fez por Osasco .
    Sou moradora de Osasco a muitos anos e nunca vi esta cidade progredir depois que o PT está comandando.
    Basta ir em um destes hospitais ,opa não temos hospitais temos matadouro .
    Fala sério e ele falando que um ou outro deveria mostrar serviço. Ele é apenas um vereador . Quem tem a obrigação de mostrar serviço é o prefeito. Mas cadê?
    Faça a sua parte senhor ,depois exija que mostrem serviço. Saia da sua confortável cadeira e vá visitar( hospitais ).
    Para ver o caos que está, minha mãe faleceu por falta de atendimento, porque ela não teve um atendimento adequado.
    Faltava médico,medicação, enfermeira. Enfim te que uma pessoa convalevente precisa.
    Não vou falar mais e mais pois não vai adiantar de nada. Mas sabemos muito bem como está esta cidade. E quem faz ou não faz pela cidade.

  2. Seja quem for o eleito para governar a cidade de Osasco, uma coisa é certa, a cidade de Osasco não pode mais ficar de costa para o governo do Estado. Muito se falou nos últimos tempos que a parceria com governo federal foi positiva, isso é muito subjetivo. Muitas obras importantes para a cidade, só podem serem tocadas pelo Governo do Estado e com a oposição sistemática dos últimos governos municipal, Osasco ficou carente dessas obras.

    • Tínhamos apoio do Governo Federal, tentávamos apoio com o Estadual para tais obras, não se tinha retorno porque o próprio governo se recusava, se você olhar, eles só investem em cidades que sua base aliada governam. Haddad só obteve apoio em São Paulo porque é a capital do estado, seria estranho não ter investimentos. Na época do Kassab, era repassado um bom número para a prefeitura mas preciso nem falar o que aconteceu com o dinheiro…
      Governo não investe porque não quer, prejudicam a gente por motivos políticos, ridículo isso.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorSenac Osasco debate sobre internet das coisas, impressão 3D e aplicações web durante o Senac Digital Show
Próximo artigoOscar Filho é atração no Osascomedy