Início Cidades Operação contra loteamento clandestino em Cotia prende dois policiais

Operação contra loteamento clandestino em Cotia prende dois policiais

0
Parque das Nascentes
Foto: Vagner Santos

O Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco) e a Polícia Militar Ambiental deflagraram, nessa sexta-feira (24), a Operação Nerthus que resultou na prisão de dois policiais (um civil e um militar) e no cumprimento de mandados de busca e apreensão de três secretários municipais.

publicidade

O objetivo da operação, que cumpriu 15 mandados nas cidades de Cotia, Vargem Grande Paulista, Taboão da Serra e Sumaré, era desarticular uma organização criminosa que pratica crimes contra a lei de parcelamento do solo, contra o meio ambiente, além de corrupção ativa e passiva na área do Parque das Nascentes, em Cotia.

Segundo o Ministério Público (MP/SP), a investigação teve origem com a Operação Fast Track, deflagrada em novembro de 2020, que identificou e desarticulou célula jurídica da facção criminosa Primeiro Comando da Capital (PCC), denominada “Setor Universo”. Naquela investigação, o Gaeco identificou uma organização criminosa que atuava desde meados de 2018 no local.

publicidade

De acordo com a apuração, o local é Área de Preservação Permanente (APP), já que presenta grande relevância ambiental por abranger 13 nascentes e seus respectivos cursos d’água. A organização criminosa investigada passou a implantar loteamentos clandestinos no local utilizando um mecanismo agressivo de desmonte ambiental conhecido como “correntão”. Além de gravemente lesivo à flora, a prática resulta em alta mortandade de animais, que não conseguem fugir.

Ainda de acordo com o MPSP, a prática criminosa somente vinha tendo êxito devido à conivência e participação de agentes públicos e políticos.

publicidade

Comentários