Osasco: combate ao abuso nos preços é tema de reunião entre representantes de supermercados e prefeito

0
supermercado
Foto: divulgação

O combate aos preços abusivos em meio à crise econômica gerada pela pandemia do novo coronavírus (covid-19) foi tema de reunião entre o prefeito de Osasco, Rogério Lins, e representantes de supermercados do município.

Durante a reunião, que aconteceu nesta terça-feira (8), Lins pediu que os comércios “cobrem preços justos” durante a pandemia do novo coronavírus (covid-19). “Nós fizemos também um apelo para que façam um esforço para manter a menor margem de lucro e que cobrem preços justos para a nossa população nesse momento tão difícil”.

O Procon de Osasco tem recebido diversas denúncias relacionadas ao aumento nos preços do álcool gel e máscaras, seguido por produtos alimentícios e gás de cozinha. Na semana passada, um supermercado da cidade foi multado em R$ 200 mil.

Publicidade

Segundo Lins, os representantes reclamaram que os supermercados estão comprando produtos mais caros durante a pandemia e “por isso os produtos derivados do leite e de higiene estão aumentando um pouco”.

O prefeito de Osasco pediu ainda que os equipamentos de proteção individual sejam garantidos a todos os funcionários dos supermercados que estiverem trabalhando durante a quarentena.

Denuncie

De acordo com o Código de Defesa do Consumidor (CDC), é caracterizada como prática abusiva elevar sem justa causa o preço de produtos ou serviços e obter vantagem desproporcional.
Em Osasco, denúncias para o Procon podem ser feitas por meio do telefone (11) 3652-9060. Também é possível realizá-las por meio do site do Procon ou pelo aplicativo “Procon SP”, disponível para IOS e Android.

Comentários