Professores suspendem greve

0
Foto: Agência Grita São Paulo

Foto:  Agência Grita São Paulo
Foto: Agência Grita São Paulo

publicidade

Carol Nogueira

Depois de 4 dias, a greve dos servidores da educação de Jandira, convocada pelo Sindicato dos Trabalhadores em Serviços Públicos de Osasco e Região (Sintrasp), foi suspensa até que acordo firmado com a Prefeitura seja concretizado.

publicidade

A decisão foi tomada em assembleia com cerca de 800 servidores nesta quinta-feira, 31, após acordo firmado na quarta, com o Sindicato, a comissão de servidores e o prefeito Geraldo Teotônio da Silva, o Gê (PV). Entre as reivindicações da categoria estão: aumento real, finalização e aprovação do Plano de Cargos, Carreiras e Salários (PCCS), fim do assédio moral e melhores condições de trabalho.

De acordo com o vice-presidente do Sintrasp, Antônio Rodrigues, o Toninho do Caps, a categoria não aceitou proposta inicial da Prefeitura. Após diálogo, houve acordo em torno de uma contraposta do sindicato.“O prefeito ofereceu a antecipação de 5% da inflação de 2014, que já está garantido em lei e por isso não aceitamos. Nossa contraproposta foi aumento real de 5% e finalização e aprovação do PCCS, que será aplicado em abril de 2014”, relata.

publicidade

De acordo com Toninho, houve adesão em 100% das escolas e cerca de 700 pessoas participaram dos protestos nas ruas.
A assessoria de imprensa da Prefeitura afirma que o prefeito Gê sempre esteve aberto ao diálogo, mas algumas reivindicações podem esbarrar em questões jurídicas, que devem ser analisadas.
No dia 13, o Plano de Cargos, Carreiras e Salários (PCCS) deve ser encaminhado à Câmara Municipal.

Comentários