Renomado médico diz que casos de coronavírus “vão explodir no Brasil a partir de hoje” | OUÇA

0
coronavírus
Vírus oriundo da China tem se espalhado pelo mundo

Em áudio que viralizou nas últimas horas, o médico Fábio Jatene, professor da Universidade de São Paulo (USP) e diretor do Instituto do Coração (Incor), fala sobre uma reunião na qual o renomado infectologista David Uip, ex-secretário da Saúde do estado de São Paulo, diz que a partir de hoje (12), os casos do novo coronavírus (Covid-19) “vão explodir no Brasil”.

“O David disse que a partir de hoje os casos [de coronavírus] vão explodir no Brasil, porque já passou a ter a transmissão comunitária. Não é quem foi viajar, agora quem não foi viajar já está passando para o outro”, afirma o médico no áudio (ouça abaixo).

Foi especulado que o áudio tratava-se de mais uma fake news sobre a doença, mas a veracidade dele foi confirmada pelo jornalista José Luiz Datena na Rádio Bandeirantes.

Publicidade

Fábio Jatene alerta ainda: “David [Uip] também disse que, nos próximos quatro meses, na Grande São Paulo, serão 45 mil casos [do novo coronavírus]. Vão precisar de UTI de 10 a 11 mil casos, e não tem 10 mil leitos de UTI disponíveis”.

É preciso muito cuidado com os idosos: “Pessoas de idade, pessoas muito idosas não devem se expôr de jeito nenhum, reduzir ao máximo a possibilidade de contágio. [David Uip] Disse que nos velhinhos a mortalidade tem chegado a 15%, 18%. Nos jovens, a 0,2%”. Além disso, “não pensem em viajar”.

Ouça o alerta do médico Fábio Jatene, professor da Universidade de São Paulo (USP) e diretor do Instituto do Coração (Incor), sobre o crescimento dos casos de coronavírus no Brasil:

Brasil registra 60 casos de coronavírus nesta quinta

Agência Brasil

O Ministério da Saúde divulgou na manhã desta quinta(12), durante coletiva de imprensa, oito novos casos confirmados do coronavírus no Brasil. Subiu de 52 para 60. Os novos registros são do Paraná (seis casos) e no Rio Grande do Sul (mais dois pacientes).

Atualmente são monitorados 930 casos suspeitos. Outros 947 foram descartados. Do total de casos confirmados, 9 (15%) são por transmissão local, quando é possível relacionar o doente a um caso confirmado; e 51 (85%) dos casos são importados, ou seja, de pessoas que viajaram ao exterior.

Os casos confirmados no Brasil estão divididos em nove estados: São Paulo (30), Rio de Janeiro (13), Bahia (2), Minas Gerais (1), Distrito Federal (2), Rio Grande do Sul (4), Paraná (6), Alagoas (1), Espírito Santo (1).

Comentários