Sogro é suspeito de matar o genro em Itapevi

0
kleber itapevi
Corpo de Kleber foi encontrado na quarta-feira (5) / Foto: reprodução

O sogro é apontado pela família da vítima como o principal suspeito pela morte de Kleber Donizete de Oliveira, de 30 anos, em Itapevi. O homem ficou três dias desaparecido e o corpo foi encontrado, com sinais de tortura, em uma área de mata no bairro Quatro Encruzilhadas, na quarta-feira (4).

publicidade

Kleber havia desaparecido na noite de domingo (2), após ir à casa da namorada, Isabela, chamado pelo sogro, Edmilson. No local, ele mandou mensagens de áudio a um amigo indicando desconfiança de que poderia ser vítima de algo ruim. “Ele é maldoso, né? Vai saber o que ele quer”.

O rapaz declarou ainda que havia deixado o carro pronto para caso precisasse fugir, com a porta aberta e em uma posição em que pudesse sair com mais facilidade. O veículo foi encontrado na terça-feira (4), abandonado com o porta-malas aberto.

publicidade
kleber itapevi
Corpo de Kleber foi encontrado na quarta-feira (5) / Foto: reprodução

Isabela, o pai e a mãe dela não foram mais vistos desde o desaparecimento de Kleber. O pai dela já havia cumprido pena por homicídio. O sogro e Kleber teriam tido problemas em um negócio que envolveu a troca de um carro por um terreno.

Isabela não foi ao velório e enterro do namorado e nem apareceu mais no emprego, onde trabalha como vendedora. Ela é descrita pela família do namorado como uma mulher possessiva e ciumenta.

publicidade

“Eu era contra [o namoro do filho], dei bastante conselho para que ele terminasse com essa moça. Eu falei: ‘meu filho, se livra dessa família, essa família não presta’”, declarou a mãe do rapaz, à reportagem da Record TV. O caso é investigado pela Delegacia de Itapevi. (Com informações da Record TV)

Comentários