Vacinação contra paralisia infantil vai até 21 de junho

0
1,1 milhão de crianças já foram vacinadas em todo Estado / Foto: Ricardo Vaz

1,1 milhão de crianças já foram vacinadas em todo Estado / Foto: Ricardo Vaz
1,1 milhão de crianças já foram vacinadas em todo Estado / Foto: Ricardo Vaz

publicidade

A Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo prorrogou para até o dia 21 de junho a campanha de vacinação contra poliomielite (paralisia infantil). De acordo com o balanço da Pasta, até a manhã desta segunda-feira, 10, 1,1 milhão de crianças já foram vacinadas em todo o Estado. Em Osasco, 104,5 mil crianças receberam a vacina.

Neste ano a faixa etária abrangida pela campanha foi modificada. Apenas crianças maiores de seis meses receberão a vacina Sabin, que protege contra a poliomielite. Além da vacina contra a poliomielite, os pais ou responsáveis que levarem a caderneta de vacinação de seus filhos em algum dos postos fixos poderão aproveitar para atualizar as doses de outros tipos de vacina que estejam atrasadas.

publicidade

A poliomielite é caracterizada por febre, mal-estar, dor de cabeça e pode causar paralisia. A vacina é segura e os efeitos colaterais são extremamente raros. “A vacina é a única forma eficaz de prevenção contra a paralisia infantil. São duas gotas que podem salvar vidas”, afirma Helena Sato, diretora de Imunização da Secretaria.

publicidade
Comentários