“Ela está em choque, só chora”, diz mãe de jovem sequestrada e estuprada entre Carapicuíba e Osasco

0
estuprada osasco
Reprodução

Após ter sido sequestrada em Carapicuíba e abusada sexualmente antes de ser deixada em Quitaúna, Osasco, na madrugada de segunda-feira (19), a jovem de 19 anos contou à mãe como foi abordada e obrigada a entrar no carro branco.

publicidade

“Ela está em choque, ela só chora, vai ter que passar por psicólogo… Esse monstro judiou da minha filha. Ela pensou em correr, só que ela falou ‘mãe, quando ele engatilhou a arma, eu pensei duas vezes porque ele podia dar um tiro em mim’”, relatou a mãe da vítima, à reportagem do “Balanço Geral”, da Record TV.

A jovem, que mora na zona Leste, havia acabado de sair da casa do namorado, em Carapicuíba, após os dois terem uma briga. Por volta das 2h30, o motorista se aproximou e a obrigou a entrar no veículo.

publicidade

Após ter sido estuprada, a vítima foi deixada na rua João Cordeiro, em Quintaúna, Osasco. Imagens de uma câmera de monitoramento registraram o momento em que o estuprador a deixou na rua. A jovem foi amparada por um casal que passava na rua de moto e acionou a PM.

A vítima foi encaminhada a um pronto socorro, passou por exames e está tomando um coquetel de remédios contra uma gravidez indesejada e doenças sexualmente transmissíveis.

publicidade

O padrasto da vítima afirmou que a vida da enteada nunca mais será a mesma. “Ela está aterrorizada, ela fala que não se vê dentro de um ônibus, não se vêm em lugar nenhum mais… Uma menina que saía, que se divertia, que tinha uma vida social normal”.

Mesmo transtornada, a mãe da jovem afirmou que a filha tem condições de reconhecer o rosto do abusador e clama por justiça. “Ela vai reconhecer ele, sim. Ela viu o rosto dele e se ela o ver, vai reconhecer. Pessoas assim alas não tem que ficar na sociedade não. Eu quero justiça, sim, porque isso não se faz”.

 

 

Comentários