Etanol não compensa em nenhuma cidade da região e Barueri tem os combustíveis mais caros

0
posto combustíveis
Foto: Marcelo Camargo / Agência Brasil

Especialistas indicam aos donos de carros flex que vale a pena abastecer com etanol quando o preço do combustível corresponder a no máximo 70% do valor da gasolina. Por essa lógica, com as constantes altas no preço dos combustíveis, não vale a pena abastecer com etanol em nenhuma das quatro cidades da região no último levantamento de preços realizado pela Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP), na semana entre 31 de outubro e 6 de novembro, que foi divulgado nesta segunda-feira (8). Em Barueri, Carapicuíba, Cotia e Osasco, o valor médio do etanol corresponde a mais de 80% do da gasolina.

publicidade

Barueri tem os combustíveis mais caros da região, segundo a ANP. Na cidade, o preço médio do litro da gasolina é de R$ 6,387 e do etanol, R$ 5,249 — o que corresponde a 82,2% do valor cobrado pela gasolina.

Em Osasco, o preço médio da gasolina é de R$ 6,225 e do etanol, 5,111 (82,1%). A menor média de preço cobrada pelos combustíveis na região é em Carapicuíba, com R$ 6,246 o litro da gasolina e R$ 5,037 do etanol (82,6%), ainda de acordo com a ANP.

publicidade
No país

O preço médio do litro da gasolina comum nos postos de combustíveis no país chegou a R$ 6,71. Porém, o valor do litro da gasolina varia muito nos estados, partindo de R$ 5,29, na cidade paulista de Atibaia, e chegando a R$ 7,99, na gaúcha Bagé, na fronteira com o Uruguai. Nas maiores capitais, o valor médio em São Paulo é de R$ 6,34. No Rio, a média da gasolina comum é de R$ 7,21. Em Brasília, o preço médio é de R$ 7,12.

V.O

BOM VELHINHO// Continental Shopping recebe Papai Noel e árvore de Natal de 11 metros de altura

publicidade

Comentários