Homem não aceita separação, invade casa e agride família da ex-mulher em Barueri

0
agredidos barueri
Idosos foram parar no hospital após agressões do ex-genro / Fotos: reprodução / Record TV

Quatro pessoas da mesma família foram agredidas, na segunda-feira (14), em Barueri. Alexandre Cabral Pires, de 41 anos, não teria aceitado a separação, invadiu a casa e agrediu a filha, de apenas um ano, a ex-mulher e os pais dela.

publicidade

Ele foi casado com ela durante um ano e oito meses. A mulher engravidou e decidiu se separar quando estava no final da gestação por não aguentar a série de agressões que sofria do marido. Segundo ela, em um dos episódios de agressão, quase perdeu a bebê.

“Todo dia ele me batia por qualquer motivo. Se as coisas dele não davam certo, ele chegava revoltado e me batia, se a casa estava bagunçada, ele me batia, se o carro quebrava, me batia”, relatou a ex-mulher de Alexandre, ao “Cidade Alerta”, da Record TV.

publicidade

A mulher afirmou que Alexandre passou a persegui-la assim que ela terminou o relacionamento. No domingo (13), ele teria tentado sequestrá-la, mas graças a mãe dela, Alexandre não conseguiu, mas retornou e invadiu a casa dela no dia seguinte.

A família foi espancada por Alexandre, que entrou na residência com um pedaço de madeira que tinha mais de um metro de comprimento e alguns pregos na ponta. Nem mesmo a filha do casal escapou das agressões e foi jogada por ele varias vezes no chão.

publicidade

Apenas a filha mais velha da ex-mulher conseguiu se esconder e escapou do ataque. Segundo as vítimas, Alexandre levou um comparsa e juntos, teriam tentado matar a família de diversas formas. Eles chegaram a ligar as bocas do fogão para liberar o gás de cozinha pela casa.

“Na hora que a gente começou gritar, minha mãe já estava desmaiada e ele falou ‘nós vamos voltar para terminar o serviço'”, disse a filha mais velha, que conseguiu se esconder e presenciou as agressões. Alexandre e o comparsa fugiram.

De acordo com a reportagem do “Cidade Alerta”, Alexandre já é conhecido pela polícia. Ele é o mais velho e oito irmãos e sete deles já tiveram envolvimento com crimes como roubos, furtos, receptação, porte ilegal de arma e formação de quadrilha. Alexandre já teria sido preso pelo menos cinco vezes.

Após o ocorrido, a ex-mulher e sua família está com medo. Os pais dela foram levados para o hospital com traumatismo craniano e não querem voltar para a casa enquanto Alexandre estiver livre. Já as crianças foram encaminhadas para um abrigo, onde permanecerão em segurança.

“Estou toda arrebentada, tenho marca de tiros que ele já me deu de raspão na cabeça. Então, eu tô com medo. Eu tô saindo de lá [da casa onde mora com a família] porque eu tô com medo” disse a ex-mulher.

Comentários