Justiça bloqueia bens e proíbe Sergio Ribeiro de exercer qualquer função pública

Justiça bloqueia bens e proíbe Sergio Ribeiro de exercer qualquer função pública

8
Compartilhar

O juiz de Direito Renato de Andrade Siqueira determinou no início desta semana a imediata suspensão do exercício de qualquer função pública do ex-prefeito de Carapicuíba, Sergio Ribeiro (PT) e a indisponibilidade de seus bens.

Sergio é acusado de contratar o escritório Castellucci Figueiredo Advogados Associados no ano de 2013, com o objetivo de prestar “Serviços Técnicos Especializados de Consultoria e Assessoria Tributária, Jurídica e Administrativa” à Prefeitura de Carapicuíba.

De acordo com a promotoria de Justiça do município, a contratação causou dano de mais de 39 milhões de reais à Prefeitura de Carapicuíba, importância esta correspondente aos valores que deixaram de ser recolhidos pelo município, bem como relativos aos honorários pagos indevidamente ao referido escritório de advocacia. O ex-prefeito pode recorrer.

Atualmente o Sergio ocupa o cargo em comissão de Secretario Parlamentar na Câmara dos deputados e, segundo a promotoria, terá que deixar o cargo.

IDEALIZADORES DO “ESQUEMA”

Duas pessoas envolvidas no esquema chegaram a ser presas: José Jarbas Pereira e Tiago Rodrigo Pereira. Eles seriam sócios da empresa Finbank Consultoria e Assessoria Empresarial Ltda e idealizadores do “esquema” que teria desviado aproximados 500 milhões de reais dos cofres de outras 135 prefeituras do Estado de São Paulo, entre os anos de 2003 e 2017.

Conforme a acusação, José Jarbas e Tiago Rodrigo procuravam os prefeitos e lhes ofereciam um portfólio de serviços relacionados à compensação de créditos tributários.

Grosso modo, os serviços oferecidos consistiam no levantamento de eventuais pagamentos indevidos efetuados ao Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) a título de contribuição patronal, na propositura de ações judiciais para reconhecimento e compensação de tais créditos e na elaboração de cálculos para sua compensação administrativa perante a Receita Federal.

Em 2017, quando o caso foi descoberto, a atual administração de Carapicuíba chegou a falar em um prejuízo de 170 milhões de reais para o erário municipal. Isso porque, antes da contratação, em 2009, o município recolhia 3% de uma taxa sobre os salários dos servidores e repassava ao INSS. Após a contratação, passou a recolher apenas 1% da taxa.

A reportagem procurou o ex-prefeito Sergio Ribeiro por telefone, mas até o fechamento desta edição não conseguiu contato. A íntegra da Decisão do pode ser acessada AQUI.

Compartilhar

Comentários

8 Comentários

  1. Todos os prefeitos q passaram e estão na administração,, sempre falaram q Carapicuíba não tinha e não tem arrecadação suficiente ,pq é uma cidade dormitória, sem indústrias em fim sempre as mesmas ladainhas.
    Mas para desviar a grana da prefeitura eles dão um jeito, tudo cambada de safados.

  2. Sérgio Ribeiro
    Estudou com muita gente aqui em Carapicuíba fora isso que foi descoberto tem que ser investigado os 60 funcionários fantasmas que ocupavam cargos de até 8 mil reais se investigar acha.e uma pena que ele não se preocupou com a mãe que tem cadeia nele e nos laranjas que estão com nosso dinheiro.

  3. Se o problema fosse só o PT. Estava tudo resolvido, bastava tirá-los de circulação, mas infelizmente a raça toda dos políticos estão contaminados. Que se faça justiça conforme vai pegando. E espero que o povo saiba dar a resposta nas urnas. Posso afirmar com todas as letras que o Sérgio não foi o pior prefeito, mas isso não o isenta de punição pelo que fez, errou vai ter que pagar. É uma pena, fico muito triste com isso.

    • Foi o pior, pagava altos aluguéis inúteis, sucateiros a frota que nem leilão conseguiu vender, gastou milhões no UPA, que a prefeitura devolveu milhões, repartições públicas em péssimos estados, e agora a prefeitura terá que pagar 724.000,00 por mês, durante 24 anos, não existiu prefeito que fez mais merda que Sérgio Ribeiro do PT decarapicuiba.

      • Poderia dizer que está errado só com a questão do UPA, mas não vamos discutir rs…

        Não foi o pior, política eh foda e muito errada nesse país de merda.

        Mas se fez coisa errada, apoio que ele pague por isso.

  4. sergio ribeiro do pt e ex-prefeito de carapicuiba, esta comprovadamente que foi o pior prefeito da cidade.
    Agora vão dizer que é perseguição política, justiça não quer saber , próximo passo CADEIA.

  5. *ESSA MERDA SÓ PODIA SER FILHO DO LULADRÃO TAMBÉM, POIS SE INVESTIGAR A FUNDO TODOS MUNICÍPIOS QUE TEVE PTRALHAS NO COMANDO OODEM INVESTIGAR, TEM ROUBOS E SUPER FATURAMENTO, PT A DESGRAÇA DO BRASIL E DOS BRASILEIROS*

Faça seu comentário

Mais notíciasBarueri tem escolinhas gratuitas de basquete e outros esportes
Mais notíciasCom rompimento de tubulação, água jorra na altura do telhado de casas na av. São José, em Osasco