Justiça de Santana de Parnaíba manda prender homem que ameaçou Simone & Simaria

1
Simone-e-Simaria
Simone-e-Simaria

O Juizado Especial Criminal de Santana de Parnaíba determinou a prisão preventiva de um homem que ameaçou as irmãs da dupla sertaneja Simone & Simaria nas redes sociais. Ele foi detido em Novo Hamburgo, região metropolitana de Porto Alegre, na segunda-feira (11).

publicidade

O homem teria iniciado as ameaças as duas na internet há cerca de dois anos. Ele foi preso na casa onde mora com a esposa e dois filhos.

“Ele diz que a família delas (Simone & Simaria) seria responsável por ele quase ter morrido, em Campo Grande, em 1996, mas não explica o motivo. Diz que sofreu um atentado a tiros e foi preso no interior do Mato Grosso do Sul, saiu de lá e voltou ao Rio Grande do Sul. Como disse que conhecia elas, resolveu agora ameaçar pedindo que o ajudassem”, afirmou o delegado Alexandre Ferreira Quintão, da 3ª Delegacia de Polícia de Novo Hamburgo, ao portal G1.

publicidade

Em uma das ameaças mais recentes, o homem chegou a citar um show que a dupla fará em Porto Alegre no dia 14 de dezembro.

Segundo o delegado, o suspeito é usuário de drogas há duas décadas e tem diversos antecedentes criminais por pequenos delitos. “Acreditamos que tenha algum distúrbio”, disse Quintão.

publicidade

O homem faz afirmações desencontradas à polícia e chega a dizer que serviu para inspiração para músicas da dupla. “[As que] falam de chifre, de traição, seriam porque ele traiu uma ex-esposa”, afirmou o delegado ao G1. “Ele delira. Tem esses delírios. É preocupante, pois assim que geralmente começam situações de violência contra pessoas famosas”.

Em nota, a assessoria de Simone & Simaria afirmou que “por decorrência dos reiterados e graves ataques sofridos pelas artistas em suas respectivas redes sociais e no exclusivo objetivo de preservação da integridade física das cantoras e seus familiares, levou a questão ao conhecimento das autoridades públicas para os devidos fins e providências”.

O processo corre em segredo de Justiça.

Leia também: Fã de Eliana que aterroriza sede do SBT, em Osasco, desabafa: “Fui chamado de maníaco”

Comentários