Início Cidades Barueri Ônibus intermunicipais que atendem Osasco e região passam a fazer desembarque apenas...

Ônibus intermunicipais que atendem Osasco e região passam a fazer desembarque apenas pela porta traseira

0
onibus emtu
Divulgação

Quem precisa utilizar os ônibus das linhas intermunicipais que atendem Osasco, Barueri e região notou que alguns motoristas deixaram de abrir a porta do meio para desembarque. A mudança tem repercutido nas redes sociais e desagradou passageiros.

publicidade

Os usuários reclamam da ausência de cobradores e de superlotação, o que dificulta a chegada até a porta traseira do coletivo. “Os passageiros ficam amontoados para ficarem perto da porta, aí demoram mais tempo no ponto para o desembarque… Um absurdo”, reclamou um internauta, no Facebook.

“Falta de respeito com a população. Se decidiram não abrir mais a porta do meio poderiam, no mínimo, colocarem um aviso nas portas. Os ônibus todos lotados e os passageiros, que às vezes não sabem, ficam ali esperando a porta se abrir e nada. Até conseguir passar pra chegar na porta de trás é complicado!”, disparou outro.

publicidade

Segundo relatos, a medida afeta passageiros da EMTU (Empresa Metropolitana de Transportes Urbanos de São Paulo), com linhas operadas pela Viação Osasco e Benfica BBTT, que passam por Osasco, Barueri, Carapicuíba, Cotia, Itapevi e demais cidades da região.

Na Benfica, a mudança deve ocorrer a partir do dia 20 de junho, de acordo com cartaz colado nos coletivos. “Informamos que a partir do dia 20/06/2022 (próxima segunda-feira), esta porta só será aberta para embarque e desembarque de cadeirantes e seus acompanhantes, quando houver. Por gentileza, para desembarque, favor se dirigir para a próxima porta”, diz o informe.

publicidade
informe ônibus
Reprodução/Redes Sociais

Ao Visão Oeste, a EMTU afirmou, nesta quinta-feira (9), que está ciente da orientação, mas que a medida parte das empresas de ônibus que operam as linhas intermunicipais, e tem o apoio da companhia. “As empresas têm liberdade para adotar a prática de não abrirem a porta do meio”, que é destinada ao embarque e desembarque de cadeirantes e seus acompanhantes.

A justificativa é de que o desembarque de passageiros somente pela porta traseira oferece ao motorista mais visibilidade e, consequentemente, mais segurança, evitando acidentes. A medida passou a repercutir nas redes sociais depois do acidente envolvendo uma idosa, ocorrido na semana passada, no Jardim Veloso, em Osasco.

idosa atropelada ônibus osasco
Acidente aconteceu na última quarta-feira (1°), no Jardim Veloso / Foto: Reprodução/Record TV

A passageira enroscou a bolsa quando descia pela porta do meio de um ônibus da Viação Osasco, mas o motorista não percebeu e a atropelou. Populares que presenciaram o acidente disseram que o ônibus estaria sem um cobrador e, com isso, o motorista realizava as duas funções.

Comentários