Professores renomados dão palestra para educadores da rede municipal de Osasco

0

Os professores Eduardo Shinyashiki, Cris Poli, Fábio Zan, Regina Shudo e Leo Fraiman, que são referência no segmento pedagógico, foram palestrantes para mais de 5 mil professores da rede municipal de ensino de Osasco, durante os dias 1 e 2 de fevereiro.

publicidade

As palestras trataram de temas relevantes para os educadores como a administração pedagógica nas escolas, trabalho interdisciplinar, inteligência emocional, desafios na educação e entre outros assuntos.
“Estamos investindo fortemente em nossos educadores e para 2018 estamos preparando grandes eventos”, informou a secretária de Educação em exercício, Márcia Brito.

As atividades aconteceram em dois períodos: de manhã e à tarde, e integram a Semana Pedagógica, que antecede o retorno das aulas, e visam contribuir para o aperfeiçoamento contínuo dos professores.

publicidade

Os encontros aconteceram simultaneamente em quatro pontos: Centro de Formação de Professores, Teatro Municipal, Espaço Catedral – Santo Antônio e Sala Osasco.

O prefeito de Osasco, Rogério Lins (PODE), acompanhou alguns dos encontros e agradeceu todos os educadores. “Desejo que vocês professores possam sair daqui com muito mais bagagem para a vida profissional e pessoal e que sejam muito felizes nessa missão que é educar”, deseja Lins.

publicidade

Palestras

O primeiro dia de palestras contou com a presença do especialista em Desenvolvimento Humano, Eduardo Shinyashiki, que abordou o infinito leque de possibilidades na educação que permite, através da imaginação e da criatividade, usar técnicas inovadoras para vencer os desafios na tarefa de educar e construir um futuro promissor para as crianças.

Regina Shudo esteve no Centro de Formação Continuada e falou sobre a avalição utilizada na Educação Infantil e a intervenção pedagógica, essencial para tornar os alunos mais “aprendentes”.

Abrindo o encontro no Espaço Catedral esteve Angélica Maia, que trabalhou o tema “Práticas e diálogo sobre Educação Inclusiva e Arte-Educação: desafios e possibilidades de um trabalho interdisciplinar”, e à tarde, a pedagoga Cris Poli, mais conhecida como a Super Nanny, discursou sobre a questão da educação em sala de aula, enfatizando a importância de impor limites, organização, disciplina e amor.

Na Sala Osasco palestrou Telma Ferraz Leal sobre a oralidade na escola e a investigação do trabalho docente como foco de reflexão na prática alfabetizadora.

Dando continuidade às palestras, o segundo dia de encontros contou com novas turmas de professores que igualmente puderam aproveitar os ensinamentos dos palestrantes convidados.

No Teatro Municipal, Leo Fraiman abordou o tema “A autogestão docente e o encantamento em sala de aula: o conflito ao encontro de gerações”. Júlio Furtado participou do encontro com professores no Centro de Formação e discursou sobre a pedagogia do erro. Cris Poli esteve no Espaço Catedral e falou sobre a arte de educar em sala de aula. Fechando o ciclo de palestras, Fábio Zan tratou da “Inteligência emocional no contexto escolar”.

Participaram do encontro, Vera Navas, coordenadora do Observatório da Educação da Secretaria; Celso Almeida, coordenador geral da Planeta Educação, além das coordenadoras do Polo Osasco, Jamile e Aline; a gerente do projeto “Eu tenho Futuro”, Jéssica Nascimento, da Planetta Educação, entre outros.

Escola de Educadores

A Escola de Educadores de Osasco, desenvolvida há um ano pela Secretaria de Educação, promove a capacitação continuada dos profissionais da rede municipal de ensino e oferece diversos cursos de capacitação e especialização voltada a diretores, vice-diretores, coordenadores pedagógicos, supervisores de ensino e professores.

O objetivo do programa é aperfeiçoar cada vez mais a atuação desses profissionais, para que ofereçam um ensino cada vez mais de qualidade e de sucesso na formação dos estudantes da rede.

Comentários