Quadrilha do Pix: sequestro-relâmpago, fuga e troca de tiros termina com bandido morto em Cotia

0
quadrilha do pix cotia
Crime aconteceu na noite de segunda-feira (4) / Foto: Reprodução/Record TV

Um bandido foi baleado e morreu após perseguição e troca de tiros com a polícia em Cotia, na noite de segunda-feira (4). Ele era um dos integrantes de uma quadrilha do Pix, que havia sequestrado um comerciante quando foi surpreendida pelos policiais.

publicidade

Câmeras de segurança registraram o momento que o alvo dos criminosos, um homem de 51 anos, foi rendido pelo grupo, por volta das 22h. A vítima estava na frente de casa e aguardava o portão automático abrir para guardar o carro quando foi abordada.

O comerciante teve as mãos amarradas, foi encapuzado e colocado no veículo usado pelos criminosos. A intenção dos bandidos era obrigá-lo a fazer transferências via Pix. “Eles peguntavam o tempo todo quanto ele [a vítima] tinha de dinheiro na conta. Estavam levando-o para um cativeiro, num lugar um pouco distante e ficaram em média 1h com a vítima”, contou a PM Luciane Rondon, à reportagem da Record TV.

publicidade

Durante o percurso, os bandidos se depararam com uma viatura da polícia e iniciou-se uma perseguição. Os indivíduos bateram a carro e tentaram fugir a pé. Houve troca de tiros e um deles foi baleado e morreu no local. Outros dois criminosos conseguiram fugir.

Já a vítima, que estava no banco de trás do carro, foi libertada com um ferimento na cabeça devido à coronhada que levou dos criminosos. “Acredito eu que eles conheciam a minha rotina. Eles sabem o que eu tenho, o que eu faço, o horário que chego, o comercio que eu tenho, tudo”, relatou o comerciante.

publicidade

O veículo usado pelos bandidos foi apreendido e passou por perícia que deve ajudar na identificação dos foragidos. O caso foi registrado na Delegacia de Polícia de Cotia.

Onda de sequestros

Na madrugada seguinte, outras duas ocorrências semelhantes foram registradas na delegacia. A polícia investiga os casos e trabalha para identificar os criminosos e apurar se as ações criminosas foram praticadas por integrantes da mesma quadrilha.

Uma cabeleireira de 44 anos foi outra vítima de bandidos em Cotia, na sexta-feira (1°). Ela aguardava o filho sair do curso, por volta das 21h40, quando foi abordada, no Jardim Nomura, próximo à Prefeitura.

Na ação que durou 30 segundos, eles levaram o celular e o cartão bancário da mulher e a obrigaram a passar a senha. Os criminosos conseguiram sacar R$ 510 da vítima, que registrou o boletim de ocorrência.

Força-tarefa em Cotia

alexandre frota força tarefa assalto cotia
Fotos: Reprodução/Redes Sociais

Na última semana, o deputado federal Alexandre Frota (PSDB) anunciou que organizará uma força-tarefa para combater a onda de assaltos e sequestros que vem acontecendo em Cotia. De acordo com o político, a Delegacia Geral de Polícia da cidade mapeou duas quadrilhas do Pix, que além de agirem na região, vivem em Cotia.

“Não é possível mais conviver com essas violência. A gente precisa se reunir contra esses bandidos vagabundos e safados”, declarou Frota, que deve se reunir com o prefeito de Cotia e autoridades das Polícias Civil e Militar.

Comentários