Início Cidades Carapicuíba Travesti diz que foi agredida por seguranças de balada em Carapicuíba

Travesti diz que foi agredida por seguranças de balada em Carapicuíba

0
travesti agressão tabacaria carapicuíba
Thais Santos usou as redes sociais para denunciar o ocorrido / Fotos: Reprodução/Redes Sociais/SBT

Uma travesti acusa os seguranças de uma balada em Carapicuíba de transfobia. Ela diz que foi agredida por funcionários do estabelecimento, localizado na Vila Caldas, no momento em que tentava defender a amiga durante uma briga.

publicidade

O caso ocorreu na noite de sábado (7) e foi denunciado pela jovem nas redes sociais no dia seguinte. “Eles não vieram separar porque estava ocorrendo uma briga, mas porque era uma travesti brigando”, disse Thais, à reportagem exibida nesta terça-feira (10), no “Primeiro Impacto”, do SBT.

Um vídeo gravado pela amiga de Thais mostra alguns momentos da confusão. Nas imagens, os seguranças tentam retirar a jovem, que estava bastante alterada, da tabacaria. “Eles me imobilizaram no chão e ficaram me batendo”, contou.

publicidade

Essa não seria a primeira vez que Thais teria sido vítima de transfobia no mesmo estabelecimento. A jovem disse que em outro episódio, foi retirada contra a sua vontade do banheiro feminino. “Ela [uma funcionária] entrou no banheiro, pegou no meu braço e falou: ‘você não pode entrar nesse banheiro, você é um homem’”.

Além das confusões envolvendo a travesti, a tabacaria em Carapicuíba tem funcionado de forma clandestina, já que aglomerações estão proibidas no estado devido à pandemia de covid-19.

publicidade

OPORTUNIDADES// Concurso público com vagas na GCM de Carapicuíba tem inscrições abertas

Comentários